Fora da Ordem

Faixa a faixa: Lemori comenta o álbum ‘Valores Inversos’

A banda cearense Lemori lançou o terceiro álbum de estúdio, intitulado Valores Inversos, nas principais plataformas de streaming abril último. Surgida em 2010 no bairro fortalezense Conjunto Esperança, a banda é formada por Adriano (vocal), Welton Lima (guitarra – base), Bruno Andrade (guitarra – solo), Chales Costa (baixo) e Paulo Henrique (bateria). Valores Inversos traz um som mais maduro do grupo, embora as letras continuem no âmbito do cotidiano.

O álbum de estreia, que leva o nome do grupo, foi lançado em 2012 com participação de Maurílio Fernandes, ex-Switch Stance e atual vocalista da banda Rocca Vegas. Em 2014 veio “Cotidiano”, bem aceito pelo público. O trabalho rendeu ao grupo duas turnês por São Paulo, em 2015 e 2016. A Lemori já abriu para bandas como a estadunidense Rufio e as nacionais Rancore (SP), Bullet Bane (SP), Sugar Kane (PR), Hateen (SP) e CPM 22 (SP). Ao Blog, o guitarrista Welton Lima comentou o álbum Valores Inversos, faixa a faixa. Confira!

Faixa a faixa: Valores Inversos (2017) – Lemori
Por Welton Lima

Quatro Anos Mais abre o disco falando de um tema que é bem complicado no nosso País, que é a política. É uma reflexão sobre ficar a merce desse caras. Então, temos que nos conscientizar, porque só podemos mudar isso nas eleições”.

Jogo Baixo é uma musica que foi feita para aquela pessoa que não quer você por perto, e onde mostra um lado bem pesado da banda não só na letra mais no guitarras bem frenéticas”!

Medo De Perder fala sobre não ter medo de perder tempo em nossas vidas. Parando para pensar, perdemos muito tempo com coisas fúteis e deixamos muitas vezes algo que é tão precioso de lado. Essa música conta também com a participação do nosso amigo Sandro Turco, vocalista da banda Cannon Of Hate, lá de São Paulo”.

Conduta já fala por si só no nome. Falamos da conduta de pessoas onde abordamos a falsidade, egoísmo e outras coisas. É também uma das músicas mais pesadas do disco, com riffs de guitarra bem fortes”.

Suas Verdades é a quinta faixa e, particularmente, uma das minha favoritas. É bem hardcore, rápida e com bastante peso no final. Tem um tema complicado no nosso cotidiano, quando sempre queremos que nossa verdade prevaleça”!

Dono Da Razão fala sobre uma pessoa que passa sempre por cima de tudo e de todos para alcançar seus objetivos. Isso acontece mais do que imaginamos em varias áreas”.

Nunca Foi é uma musica chamada carinhosamente pela banda de “balada” (risos). Contudo, foi uma grata surpresa até para nós. É uma música que amamos e que fala de uma tema lindo – fala de superação, de nunca desistir de seus objetivos e sonhos por mais difíceis que eles sejam”.

Voltar no Tempo é a oitava faixa do disco. Parece ser mais uma porrada, mas na verdade não é. Tem instrumental melódico e, apesar da bateria ser rápida, as cordas não deixam passar um clima agressivo no som”.

Lemori começa com um baixo nervoso feito pelo Charles Costa e leva o nome da banda como título. Esse som fala de nós mesmo e também passa uma mensagem que pode ser repassada a outras pessoas, de nunca desistir por mais difícil que esteja a situação. E, trazendo isso para nós, fala de ter uma banda de hardcore aqui em Fortaleza, onde o apoio é basicamente dos amigos e nós mesmo fazendo tudo para manter a banda de pé por esse tempo todo”.

A Vida Ensina fala sobre como podemos aprender com os erros que cometemos durante a vida, como podemos crescer e ser melhor se observamos isso. Na minha opinião, tem um dos melhores refrões que o Adriano fez no disco, uma bela letra. ‘Posso aprender com a vida e quem sabe ela ensine um pouco mais, posso arrancar sentimentos e meus pensamentos deixando pra trás, olhar pra frente sem ranger os dentes na intenção de melhorar. Vivo agora sem tapas nas costas,a ideia é deixar rolar'”.

Recomendado para você