Fora da Ordem

Banda chilena Mákina Kandela é anunciada no hub cultural do festival Maloca Dragão

Mákina Candela é mais uma atração internacional da Maloca Dragão

Os músicos chilenos e colombianos do Mákina Kandela estão com viagem marcada para Fortaleza. Eles se apresentam no festival Maloca Dragão 2018, que ocorre de 24 a 29 deste mês. A banda é mais uma anunciada dentro do hub cultural do evento, que conta também com Apokálipo.

Além dos grupos chilenos, estão conformados os brasileiros Letrux, Rincon Sapiência, Richie Ramone, Francisco, El Hombre, e o estadunidense Richie Ramone, ex-baterista dos Ramones.

A quinta edição do festival, que celebra o aniversário do Dragão do Mar, ocorre do dia 24 a 29 de abril deste ano, com o tema “As barricadas abriram caminho: os 50 anos de maio de 68”. Por enquanto, as atrações que têm datas confirmadas são Francisco, El Hombre, no dia 28, e Richie Ramone, no dia 29.

Hub cultural

O Conexões Maloca, mercado de negócios do festival, terá presença de Noela Salas Sharim e Tomás Muhr, diretores da plataforma de projetos musicais independentes La Makinita. Muhr é também diretor do Imesur – Encuentro de Industria Musical Latinoamericana.

Também se apresentam no festival a Compañía Sombra Circo Contemporáneo, com o espetáculo “Future Selfy”; o Teatro del Ocaso, com a peça “La pequeña ficción política”; e o artista plástico Felipe Figueroa, com o projeto de arte urbana “Rostros de Chile”.

“A conexão aérea que nos aproxima do Chile nos permite também uma aproximação cultural. A presença de representantes dos mais importantes centros culturais e de aceleradoras de projetos artísticos chilenos vai proporcionar aqui uma troca única de experiências entre artistas e instituições dos dois países. Além dos convidados do Chile, vamos levar artistas cearenses para lá logo mais”, afirma o presidente do IDM, Paulo Linhares.

Recomendado para você