Futebol do Povo

A saída de Geninho é o retrato do drama que vive o Ceará

231 25

geninho

Não durou muito a passagem de Geninho pelo Ceará. O treinador já tinha dado a senha na semana passada quando disse que se achasse que não poderia ajudar pediria para sair. Ao sentir o clima ruim após a derrota para o Bragantino, neste sábado, não dificultou e o acordo foi firmado com a diretoria.

O 3×0 em Bragança, portanto, numa atuação desastrosa da defesa que tomou os três gols em nove minutos, foi o fim do trabalho curto de Geninho, que ainda classificou a equipe para as oitavas de final da Copa do Brasil passando pelo Tupi.

O treinador chegou como esperança da torcida para substituir o anterior, Silas, mas ficou apenas um mês no cargo. Na sua apresentação, o treino do Ceará ficou lotado, mas salvador da pátria não existe no futebol e isso ficou provado mais uma vez. Foram oito partidas dirigindo o time, com quatro empates, duas derrotas e duas vitórias.

Agora o Ceará parte para o seu quarto técnico na temporada.

Com 11 pontos em 16 jogos, o alvinegro tem ainda 22 jogos pela frente na Série B e para não ser rebaixado precisa vencer 12 partidas. Até agora foram duas vitórias na competição.

Colaborou Daniel Figueiredo, comentarista da TV O POVO

Recomendado para você