Futebol do Povo

Ceará: é bobagem se preocupar com eventual perda de pontos do Macaé no STJD

1624 61

Com nove jogos pela frente para tentar escapar da zona do rebaixamento, técnico novo, uma série de jogadores no departamento médico e eleições para presidente do clube, tudo que o Ceará não precisa é dar qualquer atenção à denúncia do Sindicato dos Atletas Profissionais do Rio de Janeiro diante dos atrasos salariais do Macaé.

A eventual punição ao clube carioca não é impossível, mas improvável, apesar da denúncia ser pertinente e correta. Há prazo suficiente para, pressionada, a diretoria do clube quitar os pagamentos antes da perda de três pontos. É o que prevê o Regulamento Geral das Competições de 2015, artigo 18, §1º e §2º .

Não bastasse isso, qualquer situação de muleta neste momento tem grande potencial de atrapalhar ainda mais o Ceará, que precisa se concentrar nos seus jogos, nos seus adversários, em melhorar o aspecto coletivo do grupo em campo. São essas forças e possibilidades que vão permitir ao alvinegro escapar da Série C.

Depois da rodada desta terça-feira, o Ceará segue distante oito pontos de sair da zona de rebaixamento. A equipe soma 26 pontos em 29 jogos, contra 34 pontos e 30 partidas do Macaé, derrotado por 1×0 pelo América-MG, resultado que foi bom para o alvinegro. O time não entrou em campo porque teve seu jogo contra o Botafogo adiado.

Recomendado para você