Futebol do Povo

Ceará e Fortaleza: alvo inicial é a Copa do Nordeste e não o estadual

107 29

Lisca e Flávio Araújo conhecem bem a pressão da profissão que escolheram. Torcedores, diretores e imprensa cobram muito e neste início de temporada não é diferente. Desde o ano passado, para citar um dos parâmetros das cobranças, ambos avisaram que  vão preparar seus times para estarem efetivamente bem para a estreia da Copa do Nordeste (13 de fevereiro para o Tricolor contra o River-PI e 14 de fevereiro para o Ceará diante do Vitória da Conquista).

Eles têm razão.

As primeiras rodadas do estadual não podem atrapalhar o planejamento para o primeiro semestre do ano de forma alguma. Escalar os titulares o tempo todo, sem preservação e rodízio, e aumentar o nível de exigência físico e técnico do grupo não faz o menor sentido. É neste momento que a ansiedade do torcedores e dos dirigentes (os famosos inimigos íntimos) precisa ficar de lado. Os treinadores clamam por sossego na preparação e as partidas iniciais antes da Copa do Nordeste têm justamente esse objetivo.

É relevante lembrar que desde 1995 apenas Ceará e Fortaleza são campeões estaduais. Bom para ambos, péssimo para o futebol cearense. Em 2016 isso não vai mudar. Um deles terá o título em maio, mas na temporada há objetivos muitos maiores e relevantes que não devem ser comprometidos por má gestão neste início.

Recomendado para você