Futebol do Povo

Fortaleza x Tupi: renda milionária pela 14a. vez no futebol cearense

2388 27

A partida Fortaleza x Tupi, neste sábado, primeiro jogo do mata-mata da Série C 2017, vai certamente ultrapassar a casa do milhão de reais de arrecadação bruta. Será a 14a. vez que um jogo envolvendo clube cearense como mandante atingirá tal marca.

Até o jogo Ceará e São Paulo pelo Campeonato Brasileiro de 2010, primeira divisão, nenhuma renda em jogos de futebol realizados por aqui havia ultrapassado essa barreira. Naquela oportunidade, dia 24 de outubro, no Castelão, o borderô registrado na CBF apontou R$ 1.118.960,00. Foi um marco financeiro.

De lá pra cá, incluindo Ceará x São Paulo, foram 13 partidas que ultrapassaram o milhão de reais: três na Copa do Nordeste, três no cearense, três na Série B, três na Série C e uma na Série A.

Destas, oito envolvem partidas em que o Ceará foi mandante. Quatro envolvem o Fortaleza como mandante, além de um Clássico-Rei disputado no dia 3 de maio de 2015, final do estadual cearense, que rendeu R$ 1.169.467,00.

De todas essas rendas (sem levar em conta a atualização monetária), apenas duas registraram mais de 2 milhões de reais. Fortaleza x Brasil, no Castelão, em 2015 (empate sem gols no mata-mata da Série C), com R$ 2.582.575,00 e Fortaleza x Juventude (empate com gols no mata-mata da Série C), com R$ 2.356.087,00.

Para a partida contra o Tupi, o Fortaleza manteve exatamente os mesmos preços de 2015 e 2016 para as cadeiras superiores. Restando poucas horas para o confronto, cerca de 25 mil ingressos já foram comercializados. Caso o público cumpra as expectativas e gire em torno de 55 mil pagantes, é possível que novamente tenhamos uma renda que passe da casa dos 2 milhões de reais.

Esse levantamento exclusivo do Blog tem ajuda perene do estatístico Thiago Minhoca (deixo registrado aqui porque coisa mais comum é cópia de pautas por outros veículos que não fazem a menor questão de dar a fonte)

Recomendado para você