Futebol do Povo

No período após chegada de Lisca, Ceará detém a 4ª melhor defesa do Brasileirão

803 1

Lisca conseguiu garantir força defensiva ao Ceará. (Foto: Mateus Dantas/O Povo)

Lisca foi anunciado como técnico do Ceará no início de junho e fez sua estreia no empate em 0 a 0 contra o Botafogo, no Rio de Janeiro, em jogo válido pela 10ª rodada do Brasileirão. Incluindo essa partida, o treinador comandou a equipe em 16 rodadas. Levando em conta apenas o período em que esteve com o “Doido” à beira do campo, o Alvinegro cearense detém a 4ª melhor defesa do Campeonato Brasileiro.

Foram apenas 11 gols sofridos nos 16 jogos, que dá uma média de 0,7 por partida. No recorde dos últimos 16 jogos, o Vovô fica atrás apenas de São Paulo, que tem a melhor defesa (8 gols sofridos); Palmeiras, Inter e Grêmio, empatados na 2ª colocação (9 gols sofridos) e Santos (10 gols sofridos).

Outro detalhe interessante é que, apesar de ter feito mais partidas, o Ceará pós-Lisca sofreu menos gols que pré-Lisca. Nos nove jogos realizados antes da chegada do treinador, a equipe havia sido vazada 14 vezes, com média de 1,5 por partida.

A consistência defensiva tem sido o grande pilar da reação do Ceará no Brasileirão. Desde a chegada de Lisca, foram seis vitórias, seis empates e quatro derrotas. Além dos 11 gols sofridos, foram 13 gols marcados.

O treinador elevou o aproveitamento total da equipe de 11,1% para 36%.

VEJA AS MELHORES DEFESAS DO BRASILEIRÃO NOS ÚLTIMOS 16 JOGOS (PERÍODO QUE LISCA ESTÁ NO COMANDO DO CEARÁ)

1º – São Paulo (8 gols sofridos)
2º – Palmeiras, Internacional e Grêmio (9 gols sofridos)
3º – Santos (10 gols sofridos)
4º – Ceará (11 gols sofridos)
5º – Corinthians, Flamengo e América-MG (15 gols sofridos)

VEJA MAIS

Recomendado para você