Futebol do Povo

Fortaleza: com muitos planos vencendo em dezembro, clube tem déficit de 1.400 sócios pós Série B

6122 9

Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas

O programa de sócios do Fortaleza registrou pela primeira vez na temporada uma queda relevante nos registros ativos. Hoje, até esse texto ser publicado, o clube conta com 26.320 sócios. No dia 20 de novembro o número era de 27.753.

A explicação é a seguinte: muitos contratos vencem em dezembro deste ano, justamente porque a partir de outubro de 2017 foram muitas adesões pós subida do time da Série C para a Série B, além de dois meses de bônus que o programa concedeu. O resultado é que há um déficit nas renovações em dezembro que não acompanha o ritmo dos encerramentos.

A diminuição é encarada como natural pela diretoria, que espera nas primeiras rodadas da Copa do Nordeste e do Campeonato Cearense, ainda mantendo a meta de 35 mil sócios até o início da Série A da próxima temporada. Em janeiro de 2019, mais precisamente no primeiro dia do ano, os planos terão seus preços majorados. Não há ainda divulgação da taxa de aumento.

É importante lembrar que em outubro de 2017 o Fortaleza tinha 10 mil sócios; no período dos 14 meses seguintes, com o sucesso em campo que levou o time no período da Série C para a Série A, o crescimento tem sido perene e gera frutos financeiros fundamentais, com previsão de receita de R$ 1 milhão por mês quando a Série A começar.