Futebol do Povo

No mesmo dia, Ceará realiza maior compra e maior venda da história do futebol cearense

4628 15

Wescley (e) foi a contratação mais cara do futebol cearense, e Felipe Jonatan (d) a venda mais cara. Fotos: Júlio Caesar/O Povo.

Sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019. Uma data que ficará marcada na memória do torcedor do Ceará por algum tempo. No mesmo dia, o Alvinegro realizou a maior compra e também a maior venda da história do futebol cearense.

Durante a manhã, o Vovô acertou a contratação do meia Wescley, que estava no Vissel Kobe, do Japão, em transferência que custou aos cofres do clube a quantia de 1.2 milhão de dólares (cerca de R$ 4.4 milhões) e é a contratação mais cara.

Horas depois, no início da noite, o Vovô acertou o negócio com o lateral-esquerdo Felipe Jonatan ao Santos. O Peixe pagará integralmente a multa rescisória de R$ 6 milhões e com isso o Vovô não tem como evitar a saída do lateral, que se tornou o atleta mais caro do futebol alencarino.

No caso do lateral, o clube paulista queria realizar o pagamento parcelado, mas o presidente Robinson de Castro “bateu o pé” e só aceitou pagamento à vista, o que aconteceu.

Tais negócios evidenciam que o Ceará alcançou um outro patamar não apenas a nível de Nordeste, mas no Brasil, sendo um clube respeitado.

É inegável o avanço da instituição no aspecto financeiro, administrativo e de gestão.

Recomendado para você