Futebol do Povo

Ceará: na ótima vitória sobre a Chapecoense, Galhardo voltou a brilhar

2388 4

Foto: Aurélio Alves

Mineiro da histórica São João de-Rei, Thiago Galhardo não se cansa de dizer que vive a melhor fase da carreira. Na Série A são sete gols marcados, vice-artilheiro, uma assistência e a consolidação mais importante: é hoje referência técnica em campo.

Já no intervalo do jogo em que o Ceará venceu a Chapecoense por  4 a 1, no Castelão – com menos posse de bola mas taticamente pronto pra contra-atacar – o atleta que marcou três vezes, tem um dos maiores salários do elenco e foi investimento certeiro do clube, voltou a dizer que estavam errados os que criticaram sua saída do Vasco para acertar com o Alvinegro: “Deixei um time grande para acertar com outro grande e que me dá todas as condições possíveis para atuar”.

Aos 30 anos, Galhardo tocou na bola contra a equipe catarinense 38 vezes; acertou 87% dos passes e participou da maioria das jogadas de ataque da equipe, inclusive deixando Leandro Carvalho na cara do gol no segundo tempo, mas a jogada terminou em defesa de Tiepo. “Demorei  11 anos para fazer três gols e só posso agradecer a Deus por isso”, contou o jogador já com a partida encerrada.

Com 20 pontos o Ceará aguarda a finalização da rodada para saber em que posição estará, mas certamente ocupará vaga entre os times que teriam lugar na Copa Sul-Americana.

Recomendado para você