GIRO LUSÓFONO

Restauração do Museu da Língua Portuguesa utiliza materiais reciclados do incêndio

Estação da Luz, sede do Museu da Língua Portuguesa. Foto: Divulgação

Em obras desde 2015, o Museu da Língua Portuguesa, na Estação da Luz, em São Paulo, utiliza materiais reciclados na restauração das esquadrias e das fachadas. Os trabalhos contam com uma equipe de restauradores, auxiliares de restauro, mestres de carpintaria e mestres estucadores, que tem como objetivo trazer de volta as formas originais.

Para a recuperação das esquadrias, 85% da madeira vem do material já existente no edifício: dos 20m³ de madeira necessários, 17m³ são reaproveitados da sustentação da cobertura do prédio.

Além disso, o restauro também conta com outras ações sustentáveis: redução do consumo de energia elétrica, coleta de água de chuva para irrigação, gestão de resíduos durante a obra e o uso de madeira certificada.

A previsão é de que as obras das fachadas e esquadrias cheguem ao fim em outubro deste ano. A próxima etapa será a reconstrução da cobertura do edifício, com duração prevista de dez meses.

O Museu
Em 10 anos de funcionamento, o Museu recebeu cerca de 4 milhões de visitantes (319 mil destes em ações educativas). Primeiro do mundo totalmente dedicado a um idioma, trouxe ao Brasil um novo conceito museográfico, que alia tecnologia e educação.

Foi eleito pelo TripAdvisor um dos três melhores museus do Brasil e da América Latina em 2015. Sua instalação na Estação da Luz é simbólica: foi ali o ponto de chegada de imigrantes de vários lugares do mundo, com diferentes idiomas e sotaques, no coração de São Paulo – maior cidade de falantes de português do mundo.

Serviço
Museu da Língua Portuguesa
Endereço: Estação da Luz, Praça da Luz, s/nº Portão 1, Centro, São Paulo/SP
Contactos: (11) 3664 3859 | museu@museulp.org.br

Recomendado para você