Homem etc

Entre Rapazes por Thiago Silva

A publicidade e suas cores além do “O Boticário”

FOTO 1

Entre os assuntos mais falados das últimas semanas está o comercial inclusivo da O Boticário. Sobre a beleza e sutileza do vídeo, o movimento de boicote encabeçado pelo pastor Silas Malafaia e o posicionamento firme da marca em defender todas as formas de amor, a coluna de hoje mostra que outras marcas nacionais também já se aventuraram em expor a homoafetivade em todas as suas cores através de seus vídeos publicitários.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=p4b8BMnolDI[/youtube]

A Sonho de Valsa (isso mesmo, aquele bombom de chocolate da Lacta) lançou uma campanha chamada “Pense Menos, Ame Mais”. Num vídeo que mostra várias formas de amor, um casal de idosos, outro de pessoas de raças diferentes, um casal de lésbicas, entre outros, se beijam e levantam uma discussão sobre o amor, as diferenças e como esse sentimento passar por cima delas.

Ao contrário da O Boticário que publicizou a relação homo exibindo sua campanha na TV aberta, a Sonho de Valsa deixou o beijo lésbio restrito ao vídeo disponível apenas na internet.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=HYWyzYJhQyk[/youtube]

A Companhia aérea GOL aproveitou o período do dia das mães para divulgar uma campanha chamada “Entre tantos destinos, eles escolheram o amor”, onde mostram três famílias e “mães” que tiveram na adoção a possibilidade de viver a maternidade. Dentre os vídeos um deles conta a história de Gilberto Scofield e Rodrigo Barbosa que adotaram Pedro Henrique de 5 anos. Além de emocionante o vídeo mostra as novas constituições familiares, muitas vezes formadas por dois pais, ou duas mães.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=Co6Oe-9PRqY[/youtube]

Um metrô lotado, algumas batidas e dalí brota música. Mais do que isso o comercial da Skol para o Lollapalooza 2015 surpreende ao mostrar duas moças se beijando dentro do vagão. No vídeo a viagem segue e todos saem cantando e dançando rumo ao festival de música.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=37ptRsBp5xg[/youtube]

Além dessas marcas, outras dezenas de importantes nomes internacionais já fizeram vídeos inclusivos, mostrando seu apoio a causa gay, utilizando a homoafetividade como enredo ou retratando personagens homossexuais. Entre elas a Microsoft, Coca-Cola, Renault, Pepsi, Starbucks e Mc’Donalds.

****

Algumas boas razões para você assistir “Sense 8”

FOTO 2

Lançada pelo serviço de TV online “Netflix” a série “Sense8” chama a atenção não apenas pelo roteiro genial, mas também pela humanidade e inclusão; e exatamente por isso ela aterrissa na “Entre Rapazes” dessa semana.

Criada pelos mesmos mentores da trilogia “Matrix”, os irmãos Andy e Lana Wachowsk, “Sense 8” conta a história de oito pessoas que vivem em lugares diferentes ao redor do mundo, mas que possuem uma conexão telepática fora do normal, partilhando emoções e habilidades. Mas esses não são os motivos que fizeram a série ser comentada aqui.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=rMxiGpeYVKk[/youtube]

Vamos começar por Lana Wachowsk, criadora da série, transsexual e que levou o tema para a ficção. Umas das personagens também é uma trans, Nomi é interpretada pela atriz transexual Jamie Clayton e sofre o preconceito da família, mas encontra em Amanita, sua namora, a força para superar tudo isso. Agente sabe que para o Malafaia seria difícil entender uma relação lésbica onde uma das protagonistas é uma trans.

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=Eld_JCYdA-chttps://www.youtube.com/watch?v=Eld_JCYdA-c[/youtube]

Outra boa razão para acompanhar a série é Lito, um ator mexicano que esconde da mídia a sua homossexualidade e sua relação com Hernando, um intelectual vivido pelo ator Alfonso Herrera, famoso por seu papel na novela teen “Rebelde”. Menos dramática que a relação de Nomi, os rapazes protagonizam cenas quentes que fariam a família tradicional brasileira chorar sangue.

Mais que uma ficção “Sense8” discute questões como preconceito, identidade e aceitação nas mais diferentes esferas, seja sexual, cultural ou religiosa. Somando isso as cenas e ação e ao roteiro frenético, a série é uma boa pedida para o final de semana.

****

Mostra Diversidade em Cena

FOTO 3

Durante todos os domingos do mês de junho acontece sempre às 19h30min a Mostra de teatro “Diversidade em Cena”. Levando aos palcos três esquetes teatrais que abordam e discutem o amor entre iguais, a mostra é uma iniciativa da Teatro acontece | Escola Livre de Teatro.

Confira abaixo as esquetes que serão apresentadas.

Humana

O esquete traz à tona a discussão do desabafo do ser humano com ênfase na homoafetividade. A cena aborda uma profunda reflexão sobre a postura dos políticos brasileiros com relação a temática GLBT e o livre direito de expressão do ser humano independente de sua condição, abordando também o poder de manipulação das mídias sobre as massas com seus discursos que disseminam

Sou eu, não você!

A partir dos relacionamentos familiares, procurando entender se algo tinha lhe causado a homossexualidade, através do sexo procura um prazer que o mesmo tinha lhe tirado quando na infância! Com um começo de relações sexuais cômicas e com um final de notícia de jornal, o ator conta uma parte de sua vida através de uma cena!!!

O Vizinho do 203

Dois homens se conhecem em um banheiro público e estabelecem relações sexuais. Desenvolvem, após esse episódio, um relacionamento baseado nos instintos carnais até perceberem-se separados por uma porta.

Nessa madrugada, tentam entender essa inconsciente ligação que os cercam. Um personagem é casado e preso as convenções sociais, procura no outro mais um momento de prazer. O outro se encontra dentro do seu apartamento e vive a angústia e desamparo de concretização de sentimentos com um beijo na boca.

SERVIÇO:

Mostra Diversidade em Cena
Quando: 14, 21 e 28 de junho
Horas: 19h30min
Ingressos: R$ 12,00 e R$ 6,00
Local: Teatro Acontece | Escola Livre de Teatro
Endereço: Rua João Tomé, 640, Monte Castelo, próximo ao Hiper Bom Preço da Bezerra de Menezes.
Contatos: Almeida Jr (85) 98865 8687 ou Felício da Silva (85) 98885 6457
Fanpage: facebook.com/companhiateatralacontece

Recomendado para você