Homem etc

A Coluna “Em Ação” Está de Volta. Conheça o Novo Colunista do Homem ETC

chamada-douglas-2

Oi pessoal, tudo certo? Sou o cirurgião-dentista Douglas Pardim e darei início, hoje, a um projeto super bacana aqui no Blog Homem ETC, de mostrar que, além da vida corrida de consultório, preciso e me dedico a minha saúde, procurando ter atenção com a alimentação, exercícios e até mesmo cuidados com a aparência. Vou passar para vocês minhas experiências pessoais sobre o assunto. Poucas pessoas sabem, mas já tive uma vida totalmente desregrada, alimentação péssima, sedentarismo e, até mesmo, negligência com a aparência. Tive uma infância muito gorda, comia de tudo descontroladamente, como se não tivesse o amanhã (literalmente haha).

Foto: Paulo Bragança;

Foto: Paulo Bragança;

Apesar de ser hiperativo e gostar de esportes, comer era o esporte que mais me destacava. Comer deitado na frente do sofá assistindo televisão e tomar uma garrafa de coca cola de 2 litros de uma vez só eram algo corriqueiro. Esse período durou até a metade da minha adolescência. Aos 16 anos resolvi emagrecer, não porque tiravam brincadeiras comigo ou porque eu tinha vergonha ou algo assim (isso não me afetava nenhum pouco, tirava de letra…hahaha), mas porque o excesso de peso e até mesmo a estética do corpo passaram a me incomodar.

Tudo começou porque, mesmo bem acima do peso, eu gostava de praticar esportes e mesmo gordo, por ser muito alto, isso me favorecia demais, porém, o peso não permitia a minha evolução no esporte. Eu não conseguia acompanhar as outras pessoas no esporte e sou muito competitivo, ou seja, era uma controvérsia em pessoa. Algo que me marcou muito e ficou guardado em minha memória foi que eu não tinha nenhuma vaidade e nunca tinha vontade de estar apresentável ao menos. A partir daí resolvi fazer dieta por conta própria. Fiz várias de todos os jeitos, sem nenhum controle até conseguir emagrecer muito, mas por ser uma dieta descontrolada perdi muita massa magra e mantive bastante gordura, ou seja, saúde zero. Mas, como tudo tem um preço, uns dos problemas dessas dietas loucas é o efeito sanfona, foi no qual engordei boa parte do que tinha eliminado e fiquei nessa instabilidade um bom tempo, até decidir buscar um acompanhamento profissional. A partir daí, sigo as orientações profissionais até hoje. E a respeito da preocupação com a aparência, tudo mudou após a mudança de estilo de vida.

Hoje em dia as pessoas estão muito focadas na estética corporal, claro que isso não é o ideal, porém acho que tudo tem os dois lados da moeda. Por um lado, existem pessoas que estão buscando resultados com métodos totalmente absurdos e que vão refletir mais a frente em suas vidas. Mas também acredito que há um lado positivo, no qual a busca pela estética está sendo um aliado para saúde da população em geral, pois quando vão em busca da tão sonhada estética em um profissional de qualidade, elas são apresentadas para uma nova vida na área alimentar que, consequentemente, vão conquistar uma boa saúde com novos hábitos alimentares e exercícios físicos.

Falando em dieta, claro que não é fácil abdicar de alguns alimentos durante a semana ou o mês, mas em pouco tempo você consegue perceber a repercussão em seu organismo, como disposição, energia, bom humor e inúmeros consequências boas ligados a isso. Uma dica que eu dou é buscar fazer algum esporte que você realmente goste e que te dê prazer. O importante é que você gaste energia, diminuindo seu estresse e sua ansiedade, consequentemente, ajudando a resistir a alimentos gordurosos ou doces em momentos de ansiedade e estresse. Não há remédio melhor para ansiedade e estresse do que um exercício físico que, além de tudo, não te deixa com o peso na consciência depois do ato impensado hheheeheheh.

Além do cuidado com o corpo, mesmo ainda vivendo em tempos de preconceito relacionado ao homem e à moda, essa busca pelo cuidado do visual em geral vem crescendo cada dia mais. Para mim, esse start ocorreu após os cuidados com o corpo e a saúde. Acho sim que homem deve se preocupar com aparência, buscar encontrar seu estilo com roupas, cabelos, sapatos e o mundo de acessórios masculinos que está cada dia maior. Posso dizer que, para mim, se vestir bem foi muito mais do que aparência, me trouxe segurança, auto estima e até diminuiu minha timidez. Fiquei tão seguro de mim, que até atuei como modelo em alguns momentos.

Foto: Paulo Bragança;

Foto: Paulo Bragança;

É boa a sensação de você perceber que não estão te olhando com aquele olhar de reprovação quando você passa e, sim, de se identificarem e gostarem do que você está vestindo e a segurança que você está transmitindo. Bom, espero que vocês tenham gostado dessa primeira leitura e que esse é o início de diversas experiência que vamos compartilhar. A cada 20 dias estarei de volta com novidades e boas informações!

Grande abraço! 

Douglas Pardim.

Recomendado para você