Homem etc

III Festival Noites Brasileiras celebra a diversidade cultural nacional num grande encontro da arte no Theatro José de Alencar

O Noites Brasileiras é um festival artístico-cultural das expressões e manifestações dos diferentes lugares do nosso país. A cada edição bienal, o evento convida 02 (dois) estados do Brasil, além do Ceará, promovendo uma troca entre eles a partir de fóruns como o “Territórios Criativos”, onde acontecem debates e palestras com produtores e ativistas presentes. O Noites Brasileiras, realizado pela WM Cultural, visa ampliar o acesso aos bens culturais e fomenta a cadeia produtiva local.

  O Noites Brasileiras te convida para uma viagem pelos diferentes tipos de expressões e linguagens culturais em uma visita especial ao Theatro José de Alencar. São 34 apresentações divididas por todo o Theatro, Até o camarim vira a sala de casa e a Praça Boca Rica se transforma no saudoso Cais Bar, com direito a mural, garçons, músicos e Djs, além do delicioso e original pedacinho do céu, uma das iguarias característica da casa. Na sala de música Jacques Klein acontece a exposição “Lugares por Onde Passamos” e “Territórios Criativos”, e na Galeria Ramos Cotoco é possível encontrar a exposição “TJA em Cena 108 anos”,  permanente durante todo o mês de julho.

          Na ocasião do Festival, no dia 27, a revista eletrônica Lugar ArteVistas comemora seus 5 anos de existência em gravação especial aberta ao público. No dia 28 acontece também apresentação da Camerata de Cordas, da UFC e o espetáculo O Galinheiro de Bragança.

A Proposta

O Festival fomenta a circulação de artistas entre os estados brasileiros, a valorização e conhecimento das diversas “culturas”, estimula a difusão e promoção da produção cultural, possibilita o acesso de diferentes classes sociais aos equipamentos existentes na cidade, promove o Estado do Ceará como investidor e agregador dos “povos” da Federação Brasileira, divulga as novas propostas artísticas, o intercâmbio entre diferentes gestores, enaltece a imagem e a pluralidade de cada lugar, possibilita o conhecimento estético para a comunidade em geral e socializa as ideias e projetos aos mais diferentes públicos.

 

O Lugar – Theatro José de Alencar

No Theatro José de Alencar, o espetáculo começa da porta. Símbolo cultural e marco arquitetônico de Fortaleza,é referência artística e turística. Desempenha importante papel na vida cultural cearense. São 108 anos, que o prédio localizado no Centro de Fortaleza encanta artistas e plateias.

 

WM Cultural

Criada em 2009, atua em duas frentes de projetos: Gestão e Co-Produção, em diversas categorias artísticas(teatro, literatura, música, dança, patrimônio material e imaterial e festivais), priorizando a excelência artística e relevância cultural.

 

Movimentação da Economia

Estima-se que a estrutura sugerida para esta edição deverá gerar aproximadamente  60 empregos diretos, envolvidos na produção. Além disso, um evento deste porte movimenta uma cadeia de produtos e serviços incluindo alimentação, hospedagem, sonorização, montagens, instalações, serviços de divulgação, entre outros.

 

Programação III Noites Brasileiras – Festival Multicultural do Brasil

 

Dia 27 de julho

 

16:30 – Dança/Música (CE) – Cortejo Maracatu Solar – Saída da Praça do Ferreira

          O Maracatu Solar invade as ruas do centro de Fortaleza convidando os transeuntes a participarem da terceira edição do Noites Brasileiras. O cortejo sai da Praça do Ferreira, percorrendo os principais pontos da cidade, descendo a rua Liberato Barroso até chegar ao maior templo cultural da cidade.

 

18:00 – Dança (CE) – 18:00 – Dança (CE) -Dura Ação – Classificação: Livre

Os performers Clarissa Costa e Henrique Castro criam territórios, inventam espaços de conforto. Demarcam espaços e se demoram nesses. E dançam para caber, e cabem no dançar.

 

18:00 – Espaço Cais Bar – Praça Boca Rica – Classificação: Livre

Os frequentadores da antiga Praia de Iracema devem lembrar do cartaz de caricatura que deixava as noites no Cais Bar mais inspiradas, além da música do DJ Beruaite, o atendimento majestoso..E quem não lembra no Pedacinho do Céu? O Noites Brasileiras te convida a matar saudades e reviver momentos especiais e reencontrar amigos.

 

19:00 – Teatro (CE) – Orlando – Grupo Expressões Humanas – Palco Principal

Classificação etária: 16 anos, dramaturgia de Rafael Barbosa, inspirado em Virginia Woolf.

A história narra a vida de uma personagem através do tempo não cronológico. Orlando é um ser imortal que vive a experiência de ser homem e mulher sem perder a consciência de sua identidade. Amante das artes busca o sentido da vida, na arte e no amor.

 

20:00 – Dança/Música (CE) – Na quebrada do Côco – Jardim – Classificação: Livre

Você já brincou de coco? O coco é uma brincadeira de matriz negra e indígena que em roda se canta e dança as alegrias, lamentos, trabalhos e sonhos ritmados nas batidas de instrumentos. Formado em 2017, o grupo Na Quebrada do Coco é fruto do encontro afetivo de quatro brincantes de cultura popular da cidade de Fortaleza.

 

20:40 – Música (CE/RS) – Banda Montage e Valéria Houston – Palco Principal – Classificação: 16 anos

Pioneira da cena alternativa e underground no Ceará, a banda de electro rock com atitude punk, pop, volta com tudo à cena musical. No palco do Noites Brasileiras, Daniel Peixoto se apresenta com Montage, lançando novas músicas e revivendo os clássicos para o público ir ao delírio. O show conta com a participação especial de Valéria Houston numa noite que vai te deixar de ponta a cabeça e um gostinho de quero mais.

 

21:00 – Teatro (RS) – Parque de Diversões – Morro do Ouro – Classificação: Livre

Escrito e dirigido pelo dramaturgo Diones Camargo (Andy/Edie, 9 Mentiras Sobre a Verdade, Hotel Fuck, A Mulher Arrastada), em parceria com o ator Marcos Contreras (Édipo, Platão Dois Em Um, Fassbinder – O Pior Tirano é o Amor), a peça discute a alienação do mundo contemporâneo através da figura de um homem que se sente anestesiado pela realidade à sua volta.

22:00 – Dança (RS) – Transferência – Palco Principal – Classificação: Livre

Transferência é o trabalho da coreógrafa, bailarina e atriz Letícia Paranhos. O solo de dança contemporânea foi apresentado no Festival de Dança de Nova Hamburgo e chega a Fortaleza para ser apresentado no Noites Brasileiras. O espetáculo tem a conexão e percepção do ato de transferir, deslocar, variação, passagem, acesso, acontecimento, bilhete, comunicação, entrada, saída.

 

22:20 – Lugar ArteVistas – Gravação – Morro do Ouro

A revista eletrônica cultural Lugar ArteVistas comemora cinco anos, 70 papos com ArteVistas, dentre eles Carlos Simioni, Descartes Gadelha, Romulo Avelar, Filipe Catto, João Artigos,  Curumi, Jesuíta Barbosa, Caio Prado e tantos outros que inspiram “a arte onde estiver”. Paramos em 59 lugares, no Rio de Janeiro, onde nasceu a revista, além do Ceará, São Paulo e Minas Gerais. São muitas as emoções, aprendizados e inspirações que serão compartilhadas neste programa especial que terá gravação aberta ao público.

 

22:40 – Música (RS) – DJ Fredi Chernobyl – Palco Jardim – Classificação: Livre

O produtor e deejay Fredi Chernobyl revolucionou o cenário musical no Brasil, inventou a fusão de baile funk de favela com rock pesado e hip-hop. Hoje conta com mais de 20 anos de carreira na bagagem, oito discos lançados e co-produzidos, além de parcerias importantes mundo afora.

 

22:40 – Espaço Cais Bar Show de Luciano Robot e Show de Serrão – Praça Boca Rica  –

Classificação: Livre

Nesta terceira edição do Noites Brasileiras, faremos uma homenagem ao famoso recanto da classe artística cearense. Entre os destaques da época, teremos o cantor Luciano Robot que tem mais de 20 anos de carreira musical. De lá pra cá lançou um disco e participou do disco coletivo do Cais Bar. Nos anos 80, fez parte do grupo musical “Nova Safra” que contava com as participações de Eudes Fraga e Pantico Rocha.

O nosso outro convidado é o letrista e cantor Serrão de Castro. O artista trabalhou na noite de Fortaleza tocando em bares, participou do carnaval da cidade por vários anos e festivais importantes. O músico produziu um disco chamado “Palavras no Varal”. Em 1980, venceu como melhor intérprete o Festival do Colégio Marista Cearense.

 

23:00 – Música (CE) – Forró  Manzape e Juruviara – Palco Jardim  – Classificação: Livre

Juruviara é conhecido por agitar um circuito diferenciado nas noites de Fortaleza. Abraçando o autêntico forró de raiz, seja em composições próprias ou interpretando clássicos de mestres do gênero, firma sua trajetória que passa por outros ritmos e sonoridades e já contabiliza cerca de 15 anos de carreira.

 

00:30 – Espaço Cais Bar Show de Marcus Caffé Show de Masôr Costa – Praça Boca Rica  –

Classificação: Livre

          O espaço Cais Bar, montado especialmente para a terceira edição do Noites Brasileiras, recebe cantores que marcaram a geração sonora do bar. Marcus Caffé é um dos nossos convidados com um repertório inventivo que passeia por clássicos do cancioneiro brasileiro, com notas modernas e marcações cênicas. Masôr Costa traz um show com uma abordagem plural pelas vertentes da música popular brasileira em uma noite para festejar a diversidade da música. Com mais de 25 anos de carreira, ambos fazem um trabalho primoroso e trazem essa mistura  musical.

 

Dia 28 de julho

 

10:00 as 17:00 – Territórios Criativos – Foyer/Sala de Música – Jacques Klein

              Ação formativa onde acontecem debates, palestras, apresentação de produtos artísticos, com objetivo de intercambiar conhecimentos, estreitar relações e aquecer o mercado cultural local e nacional. As ações acontecem de forma múltipla com um viés de troca e são abertas aos produtores, gestores culturais e empresários que fomentam a arte em geral.

 

16:00 – Teatro Infantil (CE) – Ato e Desato- As aventuras de João Sortudo – Jardim

Classificação: Livre

               A Cia. Prisma de Artes traz na bagagem o trabalho junto à periferia da cidade. Essa família, como se intitulam apresenta o espetáculo “As Aventuras de João Sortudo”, adaptação de um conto popular lúdico, que com fantasia e musicalidade narra a história de João Sortudo, o jovem de pura inocência. Um espetáculo leve e capaz de tocar de forma sensível e divertida público de qualquer idade.

 

17:00 – Música (CE) – Abertura do II Encontro de Cordas Flausino Valle – Concerto da Cameta de Cortdas da UFC – Foyer

Classificação: Livre

Heriberto Porto convida a pianista paraense Nelma Dahas e a violoncelista gaúcha Dora Utermohl, para se juntar com o feelling do mestre Luizinho Duarte na percussão e apresentar grandes sucessos do músico argentino Astor Piazzolla, um dos maiores compositores do Séc XX que levou o tango argentino a um grau de sofisticação que até hoje não foi igualado. Sua música é rica de influências jazzísticas e eruditas o que o torna universal.

 

18:00 – Teatro (RN) – Tratados de Mim mesma na Infertilidade – Palco Principal

Classificação: 12 Anos

A Sociedade Cênica Trans apresenta o espetáculo “Tratados de Mim Mesma na Infertilidade”. Com direção e dramaturgia de Heloísa Sousa, a obra teatral é permeada por composições coreográficas e outras linguagens artísticas, trazendo referências no “Teatro do Absurdo” e com uma abordagem feminista. Em cena nos deparamos com um fluxo intenso dos pensamentos de uma mulher fragmentada em quatro personalidades vividas pelos intérpretes Mariana Batista, Rozeane Oliveira, Moisés Ferreira e Pablo Vieira.

 

18:30 – Teatro (CE) – O Galinheiro de Bragança – Morro do Ouro

Classificação Indicativa: Livre – Entrada: R$8 / R$4 | – Parceria UFC e IPREDE

           O Galinheiro de Bragança é o melhor galinheiro da região! Qual região? Todas! Mas uma galinha preta está se mudando pra lá. E como ficará a reputação do galinheiro? Só assistindo para descobrir! O espetáculo é baseado no conto “A Galinha Preta” e resultado da disciplina de “Práticas da encenação” do 1º semestre de 2018 do Curso de Teatro da UFC, em parceria com o IPREDE (Instituto da primeira infância).

 

19:00 – Música (RN) – Camarones Orquestra Guitarrística – Palco Jardim – Classificação: Livre

O som do Camarones é uma mistura dançante de rock instrumental, com muita energia dos elementos de surf music, ritmos brasileiros e Ska. Formada pelos músicos Ana Morena (baixo), Anderson Foca (guitarra), Yves Fernandes (Bateria) e Alexandre Capilé (guitarra), o Camarones Orquestra Guitarrística segue como um dos grupos independentes mais ativos do país.

 

20:30 –  Música (CE) – Bruna Ene convida Mattu Miranda e MAR ABERTO – Palco Jardim –

Classificação: Livre

Em seu show autoral intitulado “Só”, Bruna divide o palco com grandes músicos do cenário cearense a exemplo do seu amigo Matu Miranda. Num show cheio de luz, surpresas e bom humor, ela estampa sua atmosfera universal, mas com forte influência das suas raízes interioranas. Acompanhada do seu ukulele, uma presença de palco marcante, Bruna Ene vem com tudo pra conquistar aquele público que deseja ver o seu som acontecer.

 

21:30 – Dança (RN) – Myo_Clonus – Palco Principal- Classificação: Livre

MyoClonus é o solo de dança do bailarino potiguar Alexandre Américo. A obra tem como mote a investigação da construção lógica/poética a partir do impedimento à concretude da dança pelo fato do intérprete carregar um traço que é tido, corriqueiramente, como impossibilitador do movimento dançado, a epilepsia. Em cena, ao som distorcido da guitarra elétrica de outro performer, o intérprete explora um modo de se mover singular à epilepsia mioclônica, na tentativa de afirmar que o espasmódico também pode ser objeto da dança.

 

22:30 – Música (CE) Som da Noite – Palco Jardim – Classificação: Livre

           O projeto Som da Noite surgiu com o intuito de enaltecer toda a atmosfera da musicalidade dos anos noventa. A coletânea que fez tanto sucesso e encantou o público cearense, agora está de volta para celebrar aquele grande momento nas vozes de Paulo Façanha, Davi Duarte e Júnior Colares. O show traz o repertório que lhe conferiu tanta receptividade do público nas canções de artistas como Lulu Santos, Djavan, Flávio Venturini, Adriana Calcanhoto, dentre outros, tudo isso com muita descontração e desenvoltura nas interpretações de Davi, Paulo e Júnior, novamente reunidos nesta imperdível confraternização musical.

 

23:20 – Música (RN) – Plutão já foi Planeta  – Palco Jardim – Classificação: 16 anos

Banda de Indie Pop/Rock de Natal, Rio Grande do Norte, surgiu em setembro de 2013, com nome espirituoso, a banda foi vice- campeã do programa “SuperStar” na Globo. O grupo é formado atualmente por Natália Noronha, Gustavo Arruda, Sapulha Campos, Vitória de Santi e Renato Léllis. Suas influências passeiam entre Os Mutantes, Los Hermanos, John Frusciante e Little Joy e grupos do Indie Pop britânico atual, como Bombay Bicycle Club e Little Comets.

 

00:00 – Música – Atração Surpresa

Serviço:

III Festival Noites Brasileiras –  Festival Multicultural

Local: Theatro José de Alencar

Endereço: Rua Liberato Barroso, Nº 525, Centro

Data: 27 e 28 de Julho

Horário: 16 horas

 

  • Exposição sobre os lugares e informações adicionais durante todo o festival.

  • O acesso aos shows e espetáculos com retirada de ingresso duas horas antes.

  • Programação sujeita a lotação. Lotação total do Theatro José de Alencar

 

Recomendado para você