Homem etc

Fortaleza celebra em março o mês da Francofonia

Para quem não sabe, março é o mês da Francofonia, que celebra a riqueza e a diversidade do mundo de língua francesa. E para falar sobre a língua do amor, conversei com o novo diretor da Aliança Francesa Fortaleza, o francês Marc Ellul. Abaixo, pinço em tópicos, os momentos mais interessantes do nosso bate-papo bem informal. E olha, até o Marc está se saindo bem no português para quem está no Brasil há apenas três meses.

“Nós estimamos a 300 milhões o número de oradores franceses no mundo, distribuído em cinco continentes. É muita gente, não é? No Brasil, estima-se que mais de 600 000 pessoas falem francês.”

“Aqui no Brasil, os mais jovens escolhem aprender o francês para melhorar seus currículos e consequentemente aumentar as possibilidades profissionais futuras, além de abrir-se para a diversidade cultural francófana.”

“Além das razões profissionais, falar o francês é abrir para o mundo é entrar em um mundo de valores humanistas. Explico. É que as missões da Organização Internacional da Francofonia (OIF), agrupados em 88 sedes pelo mundo, visam não apenas promover o idioma francês e a diversidade cultural e linguística, mas também trabalhar à paz, promover a democracia e os direitos do ser humano.”

“Também é papel do OIF apoiar a educação, a formação do ensino superior e pesquisa científica e desenvolver a cooperação no serviço do desenvolvimento sustentável.”

“No Ceara, a Aliança Francesa em suas duas sedes (Aldeota e Sul), os departamentos de francês de Universidades, além das Associações dos professores franceses, todos celebram a Francofonia através de numerosos e os mais diversos eventos, espalhados por Fortaleza.”

“Acompanhe nossas redes sociais – @aliancafrancesafortaleza – e saiba de todos os eventos que estamos preparando para Março, assim que o Carnaval passar.”

Merci, Marc.

Recomendado para você