ID

Serviço oferece ‘enterro’ para vivos na Coreia do Sul

 

Um serviço gratuito já levou mais de 25 mil pessoas a participarem de uma simulação dos seus próprios enterros. Tudo porque os Sul-Coreanos acreditam que isso pode ajudá-los a conquistar uma vida melhor e mais harmônica. O serviço é realizado no Centro de Cura de Hyowon, localizado na Coreia do Sul, que efetua esse procedimento desde 2012.

O participante Cho Jae-hee, de 75 anos, relatou à agencia Reuters, que uma vez que você se torna consciente da morte e a experimenta, você adota uma nova abordagem da vida. Os seguidores deste atípico procedimento ficam por 10 minutos em um caixão fechado. Além disso, também é posto em prática a leitura do testamento, e ensaio fotográfico do “morto” dentro do caixão.

Recomendado para você