Blog do Jocélio Leal

Pecém: estrada pede outra

Esta carreta afundou na estrada entre a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) e o Porto. Transportava três placas de cerca de 18 toneladas cada. Há vários relatos de dificuldades no trecho.

Apesar de tudo, é a estrada que há. A nova “rodovia das placas”, no dia em que estiver pronta, vai ser um alívio para a siderúrgica, que cobra discretamente a estrada por conta da perda de produtividade. As placas da CSP serão transportadas por caminhões especiais.

O Governo retomou as obras no final do mês passado, portanto, outro dia. A CE- 576 está a cargo da empreiteira Lomacom. A empresa assumiu a continuação e conclusão dos 8 km da rodovia. Havia sido paralisada em dezembro com 20% de execução. O Governo pretende, digamos, descerrar a placa, até o final do ano.

Tem dinheiro do BID e do Tesouro Estadual. Ao todo, investimento de R$ 24.379.088,42.

Recomendado para você