Blog do Jocélio Leal

Arco projeta IPO na Nasdaq para setembro

Fortaleza – A cearense Arco Educação, a empresa controladora do SAS, deverá fazer sua Oferta Pública Inicial de Ações (IPO, na sigla em Inglês) já em setembro. É a única empresa brasileira a agendar IPO hoje, após recuos estratégicos no mercado. O Registro Sigiloso do IPO foi informado pelo jornal Valor Econômico e confirmado pelo Blog.

O foco nos EUA são fundos profissionais. Os fundos de pensão são minoria. Os analistas de mercado veem o negócio crescendo rápido e com impacto. A leitura no mercado norte-americano é de que educação, por ser um segmento bastante resiliente, suporta mais as intempéries da economia brasileira. O pré-road show realizado no país revelou isso, segundo um analista ouvido pelo Blog.

Com o dinheiro a ser captado, a Arco deverá seguir avançando com o seu crescimento inorgânico, desde a entrada do sócio General Atlantic – também acionista de outra companhia cearense, a rede de farmácias Pague Menos – esta com IPO em stand by.

É bastante improvável que os acionistas de Arco façam oferta secundária. Ou seja, sem venda de ação para os bolsos dos acionistas. Deverão fazer oferta 100% primária. Dinheiro na veia para crescer. Os sistemas de ensino operados pela empresa, o principal deles o SAS, atua nos segmentos do ensino básico, da educação infantil ao ensino médio. No portfólio, mais de 405 mil alunos e 1.140 escolas privadas em todo o País.

O jornal Valor Econômico disse e o Blog também confirmou que na operação participam os bancos Itaú BBA, Goldman Sachs, BTG Pactual, Bank of America Merrill Lynch, Morgan Stanley, UBS e Allen&Co.

Procurada, a Arco Educação não quis comentar.

Blog havia antecipado

Em maio passado, o Blog havia revelado a disposição da Srco de abrir o capital em Nova York. Naquele momento, a ideia era fazer a operação na Nyse. As equipes vinham (e vêm) trabalhando em jornada intensiva no desenho do IPO. O desejo de abrir capital era público da parte do CEO, Ari Neto. Leia aqui

Recomendado para você