Layout

Instituto Maria da Penha alerta para abusos contra mulheres no Carnaval

Folia sim. Abuso não. A mensagem do Instituto Maria da Penha (IMP), que desde 2009 luta pelos direitos da mulher, ganha eco durante o Carnaval de 2017 por meio de uma ação criada pela F.biz. A iniciativa começa com o lançamento da marchinha “#NãoMexeComigo”, trilha sonora de um vídeo que estreia nesta quinta-feira, 23 de fevereiro.

 

“A letra da marchinha foi inspirada em depoimentos reais de mulheres que sofreram algum tipo de abuso”, conta Fabio Astolpho, diretor executivo de criação da F.biz. Para Conceição de Maria, coordenadora de projetos do IMP, “esta é uma data pertinente para reforçar o respeito à mulher, pois muitos homens aproveitam o momento de descontração do Carnaval para cometer abusos, confundindo brincadeira com assédio”.

A marchinha foi composta pela publicitária Ana Mattioni, redatora da F.biz. A expectativa é incentivar a sociedade a coibir comportamentos desrespeitosos, estimulando ainda a realização de doações que ajudem o IMP a continuar lutando pelo direito das mulheres a uma vida sem violência. Para contribuir, as pessoas devem acessar a plataforma de crowdfunding Kickante (https://www.kickante.com.br/campanhas/instituto-maria-da-penha-diga-nao-violencia).

O vídeo conta com diversos parceiros de mídia para a sua veiculação, como UOL, AOL, Vevo, Cadreon (mídia programática), entre outros. A F.biz negocia ainda com alguns blocos de São Paulo e do Rio de Janeiro para que a marchinha seja tocada durante as apresentações. Os esforços envolvem ainda influenciadores e grupos de mulheres no Facebook. O vídeo poderá ser visto também nas redes sociais do IMP.

 

Recomendado para você