Layout

 Defensoria Pública do Estado do Ceará conquista 17º Prêmio Nacional de Justiça e Comunicação

 

A Defensoria Pública do Estado do Ceará foi a grande campeã do 17º Prêmio Nacional de Justiça e Comunicação, que avalia e reconhece os melhores trabalhos realizados pelas assessorias de comunicação das instituições do sistema de Justiça do Brasil.

A Defensoria do Ceará ficou em 1º lugar nas duas categorias que estava concorrendo: Grande Reportagem, com a série de matérias “Mundo de Direitos”,  e Relacionamento com a Mídia, a partir do trabalho realizado com a mídia sobre o “HC Coletivo Em Defesa das Mães Encarceradas”. Além disso, a série “Mundo de Direitos” foi contemplada com o “Grande Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça”, entre as práticas apresentadas, somando notas dos jurados com a dos profissionais participantes do encontro.

O Prêmio foi entregue para as jornalistas Bianca Felippsen e Déborah Duarte, que representaram a equipe. O resultado foi divulgado no dia 31 de maio, durante o encerramento do Congresso Brasileiro dos Assessores de Comunicação do Sistema de Justiça (Conbrascom), em São Paulo.

O prêmio é uma iniciativa do Fórum Nacional de Comunicação e Justiça, organização fundada pelos assessores de Comunicação do Judiciário, do Ministério Público, Defensoria Pública, OAB, tribunais de contas e instituições afins, voltada ao desenvolvimento de debates e ações para aproximar as organizações públicas do cidadão.

Foram ganhadores de prêmio ainda a Defensoria da Bahia (na categoria spot de rádio) e Tocantins (na categoria fotografia), em trabalho que dividiu o primeiro lugar com Ministério Pública de Alagoas. A Defensoria do Rio de Janeiro e Associação de Defensores Públicos de Minas também foram finalistas.

Em todo o Brasil, foram enviados mais de 200 trabalhos por diversas instituições do sistema de Justiça, que foram julgados por 33 profissionais de diferentes áreas da Comunicação e  regiões do Brasil. A instituição cearense foi a única do Estado entre os finalistas de todas as doze categorias.

Em 2018, a Defensoria do Ceará já tinha sido destaque na premiação com o projeto Relatório de Gestão 2016-2017, ficando em terceiro lugar na categoria Publicação Especial.

Os Prêmios são divididos nas seguintes categorias:  Mídia Impressa, Mídia Digital, Mídia Radiofônica, Mídia Social, Publicação Especial, Fotografia, Grande Reportagem, Programa de TV, Comunicação Interna, Campanha Institucional de Interesse Público, Relacionamento com a Mídia, Artigo Acadêmico, Prêmio Honorário e o Grande Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça.

Projetos premiados – O Grande Prêmio de Comunicação e Justiça destacou pela nota do público e dos jurados a Grande Reportagem “Série Mundo de Direitos”, lançada em dezembro de 2018, em ocasião dos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. O trabalho inscrito é composto por três reportagens multimídia, veiculadas no site em 2018, que tratam do direito à Infância, à Moradia e à Vida, todos previstos na Declaração de Direitos Humanos e na Constituição Brasileira.

Abaixo, o vídeo sobre a série Série Mundo de Direitos:

Abaixo, o vídeo sobre o projeto “HC Coletivo Em Defesa das Mães Encarceradas”:

A equipe de assessoria de Comunicação da Defensoria Pública do Estado do Ceará é composta por Bianca Felippsen, Déborah Duarte Pontes, Diogo Braga, Evelyn Barreto, Marcello Soares, Raquel Martins e Suelen Mendonça:

 

Recomendado para você