Leituras da Bel

Leia “Se beber, não me escreva”, texto da cearense Kah Dantas

Por Kah Dantas*

Foto: Davi Melo

Eu tinha sono quando você me escreveu, naquele finzinho de noite, depois de eu chegar ao meu quarto feliz do mundo, dos amigos, do cinema e dos baldes de macaxeira, mas com esse sono de descansar das festas de existir.

Não vá pensando, no entanto, meu bem, que o que eu vou dizer a seguir é que despertei de imediato, com o coração já pela boca e a respiração desgovernada, que na verdade o sono nem veio em dobro, nem foi embora, mas ficou lá, batendo palmas e dando coceira aos olhos, sensaçãozinha infernal, para fazer de cada um dos teus pedidos de perdão um incômodo, um rebuliço de beliscão em pele fina.

Fiquei surpresa, não minto nunca, e fui sincera feito a peste, do jeito que tinha de ser, enquanto fazia a leitura das suas angústias, da falta que parece que eu fiz e do amor eterno que você me jurava.

Você falava muitas coisas, amor, sem me dizer nada.

No mesmo dia, mal nasceu o sol, ave maria!, você já era outra vez a mesma criatura dissaborada, egoísta e arruinada, (in)sensível aos meus modos de querer e medroso das minhas honestas ofertas.

Eu não sei se não fui clara o suficiente ou se passei a impressão errada, pois, se tiver sido isso mesmo, você me perdoe, enfim, melhor esclarecer de toda forma: é que eu não sou um seu brinquedo não.

Então, amor, se não há nada sério em você para dividir, vá para a baixa da égua, e vá depressa, que aqui não é para moleques, mas para homens. E veja só você desonrando o excesso de autopropaganda que me fez quando nos conhecemos, usando álbum de família e tudo, dando ali a entender que conhecia o seu lugar no mundo e que sabia amar. Eu deveria era ter desconfiado.

Beba, mas não me escreva, que eu não sirvo para você.

Tua compleição, amor, foi feita para desejos mais simples, coisa que desconheço, coisa de que não quero saber.

 

***

Kah Dantas

é cearense, professora e escritora. É autora do livro Boca de Cachorro Louco, tem alguns contos publicados e premiados em concursos literários nacionais e apresenta seus textos nos canais intitulados Conta, Kah!, no blog Orgasmo Santo e aqui no Leituras da Bel.
Contato
Instagram: @contakah
Tumblr: https://contakah.tumblr.com/
Blog: Orgasmo Santo

Davi Melo

é cearense, tem 22 anos e considera a si mesmo um Pseudo-Fotógrafo-Poeta (você pode encontrar outras fotografias dele, experimentos com celulares bem simples, aqui: @daviesuaprocrastinacao). Além disso, é um exímio procrastinador e amante espiritual.

Recomendado para você