Mochila Radical

Ceará recebe primeira edição do Molokabra, maior evento de downwind do Brasil

Primeira edição do Molokabra acontece no Ceará. Foto: Divulgação.

Primeira edição do Molokabra acontece no Ceará. Foto: Divulgação.

Os fortes ventos do Ceará tornam o estado um dos melhores picos do mundo para a prática de downwind. Aproveitando a temporada de vento, que vai de julho até dezembro, no período de 29 de agosto a 1 de setembro deste ano, acontecerá a maior competição de downwind (forma de navegar, velejar ou remar a favor do vento) do Brasil: o Molokabra. O evento contempla três provas. A 1ª com 5 km, partirá da enseada do Mucuripe, em Fortaleza (Ce); a 2ª prova de 15km será de Fortaleza a Praia de Iparana, em Caucaia e 3ª prova de 30km partirá de Fortaleza com destino a Praia do Cumbuco, em Caucaia.

O evento Molokabra é promovido pela Associação de Stand Up Paddle do Ceará (ASUPCE) e está inserido na programação de World Beach Sports Brazil (WBS), um multi evento esportivo que agregará cerca de 30 modalidades e que acontecerá em Fortaleza no período de 23 de agosto a 8 de setembro deste ano.

Molokabra

O nome Molokabra é uma junção dos nomes Molokai, ilha havaiana onde é realizado o maior evento de downwind do mundo, com o nome Brasil. Para a organização do evento, a ideia é proporcionar no nosso país, na melhor raia do Ceará, uma experiência de remada e downwind tão boa quanto a que acontece em Molokai. Por isso, o nome Molokabra.

Downwind

As competições são realizadas a favor do vento. Considerando que são competições realizadas no mar, os ventos acabam produzindo grandes ondulações, conhecidas como bumps oceânicos, que, para a turma do remo, se “encaixam” perfeitamente na remada feita pelo atleta em alto mar.

A diferença em relação às ondas que quebram na praia é que os bumps oceânicos são bastante extensos e, somando-se às forças dos ventos, propulsionam mais ainda os competidores, que, conseguindo alinhar seus equipamentos, imprimem grandes velocidades, coordenando os movimentos com a ajuda dos remos.

O Molokabra é um evento inédito e, de acordo com a organização, promete movimentar o setor esportivo do Ceará ao reunir os competidores de todos os cantos do país. A ideia do evento de alcance nacional surgiu após três anos de realização de eventos locais pelos diretores da ASUPCE, o que fomentou a realização de uma competição de maior alcance.

Para o Diretor Alexandre Nogueira, o Molokabra é a oportunidade de mostrar ao Brasil um pouco do trabalho desenvolvido pela associação. “Nós enxergamos o esporte para além do próprio esporte, desenvolvendo em paralelo ações de cunho ecológico e ambiental, inclusão social com o fomento à participação de atletas em condição de vulnerabilidade, inserção de atletas portadores de deficiências e principalmente a agregação dos amigos e familiares dos atletas”, afirma. Segundo o Diretor, cada evento realizado acaba sendo um grande encontro de pessoas que têm em comum o amor ao esporte, natureza e a um estilo de vida saudável.

Para Clylton Torquato, Presidente da ASUPCE, a expectativa para o evento é enorme. “Todos que compõem a organização estão comprometidos em levar uma competição de altíssimo nível sob todos os aspectos, desde a parte técnica propriamente dita quanto em relação à estrutura, segurança e acolhimento dos atletas que estarão no Ceará”, afirma. Segundo o Presidente, um novo conceito de evento esportivo se estabelece. “Mais do que apenas uma competição, o Molokabra representa a oportunidade de cada atleta vivenciar aquilo que todos os amantes do esporte almejam: uma experiência real de fazer um downwind na melhor raia existente no Brasil”, complementa Torquato.

Para maiores informações sobre programação, acesse o site do evento. 

Serviço:
Molokabra
Data: 29 de agosto a 1 de setembro
Inscrição: www.molokabra.com.br
Organização: Associação de Stand Up Paddle do Ceará e WBS.

Recomendado para você