Nobre Arte

Este sábado teremos importante duelo nos pesados entre dois campeões olímpicos

Anthony Joshua, boxeador britânico, e campeão olímpico em Londres defenderá seus cinturões da Associação Mundial de Boxe, Organização Mundial de Boxe e Federação neste sábado contra o pugilista russo Alexander Povetkin, campeão olímpico em Atenas e ex- campeão mundial.

Essa é uma luta interessante por toda a polêmica envolvida, primeira em relação às negociações de uma provável unificação contra o campeão do Conselho Mundial de Boxe, o americano Deontay Wilder, que falharam e o posterior casamento da luta contra Povetkin.

A escolha de Povetkin é curiosa, pois o boxeador russo caiu duas vezes no exame anti-doping, a primeira coincidentemente contra o já citado Wilder em 2016 por Meldonium e a segunda também em 2016 contra Bermane Stiverne.

Muitos criticaram as organizações de Boxe por não imporem punições bem mais severas ao russo e inclusive se sentiram ultrajados com a posição da Associação Mundial de Boxe por lhe colocar como desafiante obrigando Joshua a defender seu cinturão ou o perder.

Não obstante, essa luta é muito aguardada, pois irá definir o rumo dos pesados. Com o cartel invicto em 21 lutas com 20 vitórias por nocaute, Joshua é o favorito. Já Povetkin possui 35 lutas, com 34 vitórias e apenas uma derrota, justamente para o melhor pesado de sua época, Wladimir Klitschko que por sinal, Joshua o venceu em uma luta emocionante ano passado em que quase perdeu sua invencibilidade para o ucraniano que já não era o mesmo com 41 anos.

Então creio que teremos uma ótima luta que pode ter surpresas já que mesmo não tendo o desempenho de antes, Povetkin é um boxeador que bate muito forte e é mais técnico do que o inglês, embora devemos considerar também que o russo já tem 39 anos, enquanto o campeão é bem mais jovem com apenas 28.

Infelizmente não teremos transmissão de TV para o Brasil.

Recomendado para você