Plínio Bortolotti

Fifa proíbe propaganda religiosa em jogos e adverte Brasil

114 6

O blog de Maurício Stycer comenta duas notas publicadas na coluna “Painel” do jornal Folha de S. Paulo informando que a Fifa [Fédération Internationale de Football Association] proibiu mensagens religiosas em seus jogos.

A nota, que foi recebida pela CBF [Confederação Brasileira de Futebol] na sexta-feira [10/7], diz que a Fifa  “não irá mais permitir mensagens religiosas em comemorações de jogadores durante suas competições”.

A Fifa recebe o ofício duas semans após a partida em que o Brasil ganhou a Copa das Confederação, no jogo final contra os Estados Unidos. Ao fim da partida, houve uma espécie de celebração regiliosa no gramado, com todos os jogadores rezando em conjunto.

Além disso, o capitão Lúcio e o jogador Kaká vestiram camisas com frases religiosas. Lúcio: “I love Jesus”; Kaká: “I belong [pertenço] to Jesus”.

Fiz dois posts sobre o assunto:

Seleção de futebol é do Brasil ou de Jesus?

Dinamarca: jornal critica “atletas de Cristo”.

Recomendado para você