Plínio Bortolotti

Se o sr. K. amasse alguém

“O que faz você”, perguntaram ao sr. K., “quando ama uma pessoa?” “Eu faço um esboço dela”, disse o sr. K., “e cuido para que seja semelhante.” “O quê? O esboço?” “Não”, disse o sr. K., “a pessoa.”

“Histórias do Sr. Keuner”,  Bertolt Brecht

Recomendado para você