Plínio Bortolotti

“Assalto ao Banco Central”: atriz responde a crítica escorregando no preconceito contra cearenses

1070 4

Clique para ampliar

Irritada com a crítica do jornalista Pablo Villaça ao filme Assalto ao Banco Central, a atriz Antonia Fontenelle, mulher do ator Marcos Paulo – diretor do longa – disse que o crítico tinha “cara de cearense”.  Pablo é editor do blog Diário de Bordo [Veja a resposta que o Villaça dá a ela].

A atriz usou o Twitter para dizer: “Gente, quem é Pablo Vilaça? Essa pessoa se intitula critico de cinema, tem cara de cearense, percebi que ele quer 5 minutos de fama. Pablo Vilaça, nem me dei o trabalho de ver se o seu portal é do Ceará, mas se for, obrigada porque lá estamos bombando, logo se vê que você não tem credibilidade nenhuma, só falou besteira na sua critica. Você não é critico, você é desorientado. Internet é mesmo terra de ninguém”, escreveu.

Pablo Villaça respondeu, também pelo Twitter, dizendo que era mineiro, mas que teria “imensa honra” em ser cearense. [Com informações do portal Uol.]

A propósito

O jornalista Demitri Túlio do O POVO, que ganhou o Prêmio Esso regional (2005) pela cobertura que fez, junto com equipe, do assalto ao Banco Central em Fortaleza, também não gostou do que viu no filme.

A propósito, Demitri tem cara e demais apetrechos de cearense, incluindo a falta de paciência com gente ignorante.

Recomendado para você