Plínio Bortolotti

Uso inadequado de redes sociais prejudica empresa e empregados

«Casos de “fogo amigo” como esse, em que o funcionário não tem a intenção, mas acaba prejudicando a empresa em que trabalha, tornaram-se bem mais comuns com o advento das redes sociais. Segundo a consultora Andrea Huggard-Caine, essas novas ferramentas de comunicação se difundiram com muita velocidade e as pessoas da geração anterior não tiveram tempo para se adaptar gradualmente. As mais jovens, por sua vez, não têm a referência de como as coisas funcionavam antes e acham tudo isso normal. “Muitas estão aprendendo da forma mais dura que ser transparente não significa escrever tudo o que vem à cabeça.”»

Trecho da matéria Uso inadequado das redes sociais aumenta casos de “fogo amigo”, no jornal Valor Econômico, onde a matéria poderá ser lida na íntegra;

Recomendado para você