Plínio Bortolotti

Férias no Ceará & estorvo acústico

Clique para ampliar

Do artista plástico Hélio Rôla, que refugiou-se na Lagoa Redonda em busca de sossego, mas encontrou barulho nos céus e terras, recebi o texto abaixo e o mapa acima.

«Férias no Ceará… Por conta de som excessivo oriundo do Recreio Clube de Campo (Av Recreio, 1090 – Lagoa Redonda, Fortaleza – Ceará) certas áreas da Lagoa sofrem, ultimamente, com o som abusivo “dos forrós do domingo” que somente terminam na madrugada de segunda-feira em meio à uma barulheira infernal bradando aos céus e uma gritaria sem fim, chegando mesmo a incomodar, pela sua duração de horas, mais do que os aviões da madrugada. Que coisa, não é?…

Enfim, pela distância entre a casa de show … e onde resido, 1,5 km, como pode ser visto no mapa Google, fica claro que o clube comete abuso socioambiental de expressiva abrangência… É muito provável que, fora a falta de alvarás e outras exigências, o estabelecimento não disponha de instalações adequadas para esse tipo de show, isto é, com tanto som à solta e, por isso, não obedeça as Leis Municipais quanto a conveniência do silêncio urbano no viver humano…

As casas de show de Fortaleza quase sempre deixam que seu “negócio cultural” se torne, como é de praxe, um estorvo para a vizinhança inocente que não tem nada a ver com os esses negócios… É uma história antiga, e por se tratar de um franco desrespeito aos direitos da humanidade dei ciência do fato à Semam em uma denúncia de Poluição sonora. Hoje, dia 24 de janeiro de 2012.

“O silêncio é um bem comum, o barulho, não”…

Poluição Sonora – Semam 3452.6923/6927»

*O título do post também é de autoria de Hélio Rôla.

Recomendado para você