Plínio Bortolotti

Lúcio Flávio critica a “covardia profissional” dos jornalistas

Reprodução do OI na TV

Lúcio Flávio Pinto, editor do Jornal Pessoal (Belém/Pará), faz severas críticas à chamada grande imprensa. Mas não alivia para o lado dos jornalistas. Entrevistado no programa Observatório da Imprensa, afirmou que falta coragem aos jornalistas brasileiros. Literalmente, ele disse haver uma “covardia profissional” dos jornalistas.

Medo do risco

Para ele, o jornalista brasileiro e “uma parte dos jornalistas no mundo”, não quer correr riscos. Afirmou que “a maioria dos jornalistas que saem das faculdades querem fazer uma carreira linear”, do “do zero para o sucesso”, o que significa trabalhar na televisão e na “mídia estabelecida”. E essa busca pelo sucesso, segundo Lúcio Flávio, faz com que os jornalistas evitem produzir matérias que possam gerar “inconveniente” ou trazer risco de demissão.

Justiça

Lúcio Flávio, um dos jornalistas que mais entendem da região amazônica, falou também dos vários processos que responde na Justiça do Pará devido ao seu trabalho jornalístico e das decisões absurdas que os magistrados proferem nos autos (ou fora deles).

Veja aqui a entrevista. O trecho em que ele se refere aos jornalistas está no segundo bloco. Mas vale ver a entrevista inteira.

Recomendado para você