Plínio Bortolotti

Quando o PT será o que prometeu ser?

860 5

Reprodução do artigo publicado na edição de 14/4/2016 do O POVO.

HR,1Quando o PT será o que prometeu ser?
Plínio Bortolotti

Pesquisa do Datafolha mostrando Lula em primeiro lugar em quatro cenários traçados pelo instituto para as eleições presidenciais de 2018 – e a queda acentuada dos candidatos do PSDB – repete o fenômeno das eleições de 2014. (O ex-presidente só perde um pouco a força com Marina Silva no cenário: em um deles, fica empatado; em outro, um ponto percentual abaixo, dentro da margem de erro.)

O que acontece é o seguinte.

A chamada “nova classe média”, os beneficiados com acesso à universidade, (incluindo a política de cotas) e os favorecidos pelos programas sociais podem estar putos com o PT. Estão frustrados com a corrupção que assolou o governo, imaginando o que mais poderia ter sido feito se a dinheirama não houvesse sido desviada.

Entretanto, eles desconfiam em demasia do PSDB, temendo que o partido faça uma limpa nos programas sociais, que acabe com direitos trabalhistas, entre outras medidas. Assim, quando os tucanos ameaçam chegar ao governo, os “de baixo” se arrepiam.

Além do mais, existe o efeito Lula. A tendência é culpar a pessoa do presidente pelos erros e acertos de um governo. E Lula deixou a Presidência com percentual altíssimo de aprovação. Portanto, se – para muita gente – Dilma é antipática ou incompetente, Lula continua sendo “o cara”.

Um amigo, jornalista, contou que o porteiro do prédio dele, com O POVO em punho, abordou-o para comentar a conjuntura política. Declarou-se decepcionado com a corrupção petista, mas repetiu o bordão “roubar todo mundo rouba” e fez sua análise: “Presidente bom mesmo era o Lula, o erro dele foi deixar aquela mulher lá”.

É claro que a eleição ainda está muito longe, em termos de tempo político, e muita coisa vai acontecer. Além de ser necessário lembrar que a chamada opinião pública é volúvel: tanto afaga quanto apedreja.

No mais, PT deveria refletir sobre quantas oportunidades seus eleitores estão dispostos a conceder-lhe para que o partido seja o que prometeu ser.

PS. Para ver a pesquisa, clique aqui.

Recomendado para você