Política

Ministro destaca concessão de Jericoacoara para empresas privadas

285 6
Parque Nacional de Jericoacoara é um dos que passarão para a iniciativa privada (Foto: Ricardo Rollo/Embratur)

Parque Nacional de Jericoacoara é um dos que passarão para a iniciativa privada (Foto: Ricardo Rollo/Embratur)

O ministro do Turismo, Marx Beltrão, voltou a anunciar a transferência prevista da gestão de parques nacionais brasileiros para a iniciativa privada. Em participação no fórum WTM Latin America, o ministro destacou impacto deste tipo de ação e citou os parques de Jericoacoara (CE), Chapada dos Veadeiros (GO) e Lençóis Maranhenses (MA) como alvos na mira do governo.

Segundo Beltrão, este tipo de concessão traz aumento de infraestrutura e visitação turística para os equipamentos. Ele cita o caso do parque nacional de Fernando de Noronha, que teria passado por um incremento “considerável” após sua concessão para a iniciativa privada.

A medida divide opiniões em Jericoacoara, com empresários de olho no possível lucro anunciado pelo governo. Já alguns moradores têm receio sobre possíveis restrições trazidas pela medida. Além disso, há receio da cobrança de altas taxas para acesso ao parque, o que ocorre em muitos dos equipamentos que seguem esse modelo.

Segundo o Ministério do Turismo, os cerca de 60 parques nacionais brasileiros recebem mais de 7,1 milhões de visitantes por ano. A maioria, 4,58 milhões (64,5%), concentram-se nos parques de Iguaçu e da Tijuca, dois parques atualmente sob gerência da iniciativa privada.

Turismo em alta

No último trimestre de 2016,  faturamento do setor turístico superou em 37% as projeções do Ministério do Turismo. Para incrementar o número, o órgão promete lançar, na próxima semana, um programa de facilitação de vistos e uma nova campanha de promoção do turismo brasileiro no exterior.

Recomendado para você