Política

Capitão Wagner critica reaproximação Camilo/Eunício: “Coerência é coisa rara”

416 4
Foi a primeira crítica de Capitão Wagner (Foto: Divulgação)

Foi a primeira crítica de Capitão Wagner (Foto: Divulgação/AL-CE)

O deputado Capitão Wagner (PR) criticou nesta sexta-feira, 17, reaproximação entre a base do governador Camilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB) no Ceará. Em vídeo publicado em sua página no Facebook, o deputado comenta, ao lado do vereador Soldado Noélio (PR), a questão e dispara: “Infelizmente coerência na política é coisa rara de se ver”.

Alvo de especulação há meses, reaproximação entre os ex-aliados teve nova mostra pública nesta sexta-feira, 17. Em ato do programa “Todos por Fortaleza”, Eunício e Camilo trocaram diversos afagos, com o governador chegando a pedir uma salva de palmas ao senador em agradecimento aos investimentos articulados por ele junto ao governo federal.

Confira vídeo de Capitão Wagner no Facebook

No vídeo com Wagner, Soldado Noelio comenta: “Está na verdade todo mundo sem entender isso. O mínimo que a gente pode falar é incoerência. Enquanto as pessoas muitas vezes brigam defendendo partidos, a gente vê que no teto dessas siglas acontecem muitas incoerências e o povo acaba deixado de lado”, avalia.

Capitão Wagner continua: “Infelizmente tem esse problema, a coerência é rara de se ver. Mas quero dizer para o nosso eleitor que nós continuamos do mesmo lado, temos a mesma posição que tínhamos quando entramos na política, e temos construído um grupo coeso nas defesas de nossas ideias”, afirma.

Capitão Wagner x Eunício

A fala de Wagner marca primeira crítica mais incisiva do deputado ao senador Eunício Oliveira desde o início da aliança entre os dois, em 2014. O deputado vem se posicionando contrário à reaproximação entre o senador e a base aliada no Estado desde que os afagos entre ambos começaram, há alguns meses, negando subir em palanque com Cid e Ciro Gomes (PDT).

Recomendado para você