Política

Bolsonaro não é liberado por médicos para ir a debate e Haddad se dispõe a ir à enfermaria

O candidato a presidente Jair Bolsonaro passou por avaliação médica na manhã desta quarta-feira, 10, e não liberado para fazer campanha nem para participar de debates. O primeiro estava marcado para esta quinta-feira, 11, na TV Record. No Twitter, o adversário Fernando Haddad (PT) se dispôs a ir até a enfermaria.O candidato a presidente Jair Bolsonaro passou por avaliação médica na manhã desta quarta-feira, 10, e não liberado para fazer campanha nem para participar de debates. O primeiro estava marcado para esta quinta-feira, 11, na Band. No Twitter, o adversário Fernando Haddad (PT) se dispôs a ir até a enfermaria.

Recomendado para você