Política

Capitão articula lei que libera uso de armas apreendidas pela Polícia

983 1

O deputado federal eleito Capitão Wagner (Pros) se reuniu nesta quarta-feira, 9, em Brasília com o secretário nacional de Segurança Pública, Guilherme Theophilo, e com o comandante da Força Nacional, o coronel cearense Aginaldo de Oliveira. Na pauta do encontro, mudanças na legislação que permitam o uso de armamento apreendido pelas forças de segurança do País.

“Atualmente, a polícia e a Justiça apreende armamento em bom estado de conservação e eles acabam destruídos por conta da legislação”, diz Wagner. “Tratamos de uma lei que permita o uso desse armamento pelas forças de segurança”, diz o deputado, que se reúne amanhã com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, também na capital federal.

Segundo Capitão Wagner, o encontro desta quarta-feira também discutiu a institucionalização da Força Nacional. “Hoje em dia não é uma instituição, mas sim um programa de governo. Queremos transformar em instituição, para que tenha concurso público, carreira”, afirma.

Recomendado para você