POPssauro

Categorias para Sem categoria

Primeira crítica feita do MDNA da Madonna, antes do lançamento do álbum

26 4

O novo álbum da Madonna não começou muito bem nas paradas, com o primeiro single “Give Me All Your Luvin”, mas a rainha nunca vai perder a majestade, já que conta com outras ótimas músicas como mostra as primeira críticas positivas. MDNA será lançado no dia 26 de Março, e o carro-chefe do álbum mudou de GMAYL, para Girl Gone Wild.

Ontem, começou a audição para imprensa do álbum MDNA em Londres, para que a crítica especializada faça suas críticas e as publique em seus veículos ao longo das próximas semanas. O blog Live From Mars postou as primeiras impressões sobre algumas faixas e dá trecho das letras. Confira:

Sobre o Álbum:

A maioria das faixas de MDNA são bastante divertidas mas há um lado bem denso e obscuro nele. Se Like a Prayer nasceu após o seu divórcio com Sean Penn e Hard Candy veio junto com o desgaste na relação com Guy Ritchie, o MDNA é como se fosse uma resposta a isso tudo que passou em seus casamentos, a vida que teve depois disso, e de certo ponto, a identidade que perdeu de si mesma em algumas parcerias. Ela está aí para recuperar quem ela é e tem demônios para matar!

De modo geral, não é um intenso pop como em Confessions, não é nada drasticamente novo ou experimental como muitos críticos de música gostariam, mas é “bom pra caralho”, dançante e cheio de drama. É o que os fãs estavam esperando: um pancadão para colocá-la de volta ao topo. Um cheque-mate contra Lady Gaga – que apesar de ter seu brilho, não chega a dar canções tão fáceis para a pista de dança como alguns hits que Madonna faz. Madonna ainda é “a rainha” e com a força de MDNA, é difícil argumentar contra.

Algumas Faixas:

I Don’t Give A…” (feat Nicki Minaj, co-produção Martin Solveig)

Wake up,
This is your life,
Children on your own,
Gotta plan on the phone,
Meet the press,
Buy a dress,
Do all this to impress…
Do ten things at once
And if you don’t like it
I don’t give a…
I tried to be the perfect wife…
I diminished myself…
It swallowed me…
If I was a failure
Then I don’t give a…

Momento brilhante do álbum. Madonna fala de um dia típico e torna-se no meio da música intensamente honesta ao ponto de dar bronca nas pessoas que a criticam. A faixa vai crescendo gradualmente até que em seu ápice, surge um coral ao melhor estilo dos filmes de Tim Burton para finalizar a música.

Gang Bang (co-escrita por MIKA, co-produção Demolition Crew)
Shot you dead
Shot my lover in the head…
I’m going straight to hell…
I’ve got a lot of friends there
Drive bitch, die bitch

Vocais teatrais sobre a vingança de uma amante que arruinou sua vida. Ela aparentemente grita “Morra, puta!” um tanto quanto estúpida, um tanto quanto divertida, um tanto quanto maravilhosa e sensacional! Cheio de coisas essenciais que suas concorrentes não tem: DRAMA!

Turn up the radio (co-produção Martin Solveig)
Começa como uma balada pedindo ao público para parar por um momento e ficar longe do mundo através da música. Mas se transforma num dos momentos mais acelerados do álbum onde parecem que as caixas acústicas vão explodir.

Superstar (co-produção hardly indigo muanza, michael malih)
Uma das grandes surpresas do álbum. Uma das mais doces canções que ela já fez desde Cherish. Deve ser um hino do próximo verão e definitivamente deve virar um single! É simples, bonita e uma canção perfeita para seus shows.

Falling Free (co-escrita por Joe Henry, co-produção william orbit)
Profundamente melancólica. Uma das canções mais tristes que Madonna já escreveu.

Beautiful Killer (co-produção william orbit)
Tem uma pegada Anos 80 e é em homenagem ao ator Alain Delon.

Abaixo a ordem mantida por enquanto das faixas e seus produtores:

MDNA – Deluxe CD1 / Standard
1. Girl Gone Wild (Benny Benassi e Ale Benassi)
2. Gang Bang (escrita por MIKA, produção Demolition Crew)
3. I’m Addicted (Benny Benassi, Ale Benassi e Demolition crew)
4. Turn Up the Radio (Martin Solveig)
5. Give Me All Your Luvin’ (Martin Solveig)
6. Some Girls (William Orbit)
7. Superstar (Hardly indigo muanza, Michael Malih)
8. I Don’t Give A feat Nicki Minaj (Martin Solveig)
9. I’m a Sinner (William Orbit)
10. Love Spent (William Orbit)
11. Masterpiece (William Orbit)
12. Falling Free (escrita por Joe Henry, produção William Orbit)

MDNA – Deluxe CD2 / Bônus
01. Beautiful Killer (William Orbit)
02. I Fucked Up (Martin Solveig)
03. B-day Song feat M.I.A. (Martin Solveig)
04. Best Friend (Benny Benassi)
05. Give Me All Your Luvin’ (Party Rock Remix feat LMFAO)