Veia Esportiva

Especial Mães no Esporte. Três filhos, cinco netos, casada há 29 anos e faixa preta de Karatê

Dona Francisca Maria, faixa preta de Karatê. (Foto: Reprodução/Facebook)

Três filhos, cinco netos, casada há 29 anos e faixa preta de Karatê: essa é a dona Francisca Maria de Matos Xavier, 50, que vê nas artes marciais uma forma de mudar sua forma de agir com as pessoas.

Juntamente com seu marido Vanderilo Paulino Xavier , 51, dona Francisca ministra aulas de karatê para a comunidade em um projeto social da igreja que frequenta em parceria com a fundação Precometal, no bairro Timbó, Região Metropolitana de Fortaleza.

Dona Francisca (abaixada à esquerda) e as crianças do projeto. (Foto: reprodução/Facebook)

Praticante do Karatê há 30 anos, do Francisca treina duas vezes por semana e diz que sua cabeça “não funcionava” como agora.  “Sempre admirei o karatê, é uma arte de autodefesa”, comenta.

Para chegar à faixa preta no Karatê são necessários 6 a 7 anos de dedicação, em média, pois cada faixa tem um determinado tempo que é preciso cumprir até estar apto a passar para a próxima. A faixa na cor preta, representa humildade, autocontrole, maturidade, serenidade, disciplina, responsabilidade, dignidade e conhecimento.

Com muita dedicação, a dona de casa consegue administrar seu tempo entre família, projeto social e treinos. “Dou prioridade sempre a minha família, depois o projeto e o treino de karatê”, explica. Ela relata, ainda, que seus dois irmãos foram influenciados por ela a começar nas artes marciais.

“Sair com a família, participar de um churrasquinho e servir na igreja”, essas são suas atividades de lazer preferidas.

Dona Francisca sempre prioriza a família. Na foto, ela e seu esposo Vanderilo. (Foto: Arquivo Pessoal)

 

Recomendado para você