Veia Esportiva

Cearense Gilberto Silva participa da Copa Brasil de Paraciclismo

Cearense competirá na Copa Brasil de Paraciclismo (Foto: Divulgação)

A 1ª Etapa da Copa Brasil de Paraciclismo de Estrada e Contra-Relógio será nos dias 3 e 4 de junho, no Velódromo Municipal de Indaiatuba. O paraciclista cearense Gilberto de Sousa Silva, participará da prova de Ciclismo C5, modalidade na qual os atletas competem em bicicletas convencionais.

A prova é realizada pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e Federação Paulista de Ciclismo (FPC). As classes são direcionadas aos competidores com deficiência físico-motora e amputados.

O atleta cearense já conseguiu duas medalhas de bronze e uma de prata em etapas da Copa Brasil de Paraciclismo. A edição é um dos principais eventos do calendário nacional e contará pontos para o ranking nacional.

Provas
As provas serão de Ciclismo (C1, C2, C3, C4 e C5), Handbike (H1, H2, H3, H4 e H5), Tandem B e Tricycle (T1 e T2).

Neste sábado, às 8 horas, ocorre as provas do Contra-Relógio, com percurso de 3,5 km, com largada e chegada no Velódromo. No domingo, às 8 horas, também com percurso de 3,5 km, acontece as provas de Resistência, com largada e chegada em frente ao Condomínio Residencial Dona Lucilla, no Jardim Esplanada.

Gilberto acumula mais de 300 pódios em sua carreira, mora com a mulher e os dois filhos, no bairro Parque Luzardo Viana, em Maracanaú (CE). Logo depois que nasceu, ele contraiu paralisia infantil e, para reverter o problema, teve que se submeter a cinco cirurgias, o que o deixou com um desnível entre as duas pernas. Dessa forma, apenas aos 5 anos começou a andar e, com 8, aprendeu a pedalar em uma bicicleta que ganhou da avó materna.

Em 2004, Gilberto participou do seu primeiro campeonato de ciclismo e mesmo iniciante em competições, conquistou o primeiro lugar e mais dois títulos na prova: atleta revelação e prêmio de destaque.

Após perceber que o ciclismo tinha se apropriado de um espaço especial em sua vida, não parou mais de competir. Algumas das conquistas de destaque do paraciclista são o bronze no Campeonato Brasileiro de Pista e o tricampeonato no Rally Piocerá de Mountainbike.

 

Recomendado para você