Banca do Anime

Hanyo no Yashahime, é continuação em anime de Inuyasha estreia em Outubro de 2020

2649

Hanyo no Yashahime

O novo projeto da autora de Inuyasha, Hanyo no Yashahime teve sua primeira imagem vazada na internet e a Viz Media confirmou que a obra será um novo anime intitulado Yashahime: Princess Half-Demon (Hanyo no Yashahime). O site japonês do anime cita como uma série de TV e que está programada para estrear na Temporada de Outono 2020.

Hanyo no Yashahime será ambientado no mesmo universo de “InuYasha” e focará nas filhas de Seshoumaru e InuYasha.

Teruo Sato (diretor do episódios de Inuyasha) está dirigindo o anime no Studio Sunrise e Katsuyuki Sumisawa é responsável pelos scripts da série depois de fazer o mesmo com Inuyasha e Mobile Suit Gundam Wing . A própria Takahashi é creditada como a principal designer de personagens, com Yoshihito Hishinuma (Yakitate!! Japan, City Hunter: Shinjuku Private Eyes) retornando de Inuyasha para adaptar seus projetos para animação. Kaoru Wada (3×3 Eyes, Battle Angel, The File of Young Kindaichi) também está de volta deInuyasha para compor a música.

O mangá de “InuYasha” completará 25 anos em 2021.

Alguns visuais foram divulgados no site:

Towa Higurashi

Setsuna

Moroha

 

História

As filhas de Sesshoumaru e Inuyasha partiu em uma jornada transcendendo o tempo! No Japão feudal, os gêmeos meio-demônio Towa e Setsuna são separados um do outro durante um incêndio na floresta. Enquanto procura desesperadamente por sua irmã mais nova, Towa vaga em um túnel misterioso que a envia para o Japão atual, onde é encontrada e criada pelo irmão de Kagome Higurashi, Sota, e sua família.

Dez anos depois, o túnel que liga as duas épocas reabriu, permitindo que Towa se reunisse com Setsuna, que agora é um Demon Slayer trabalhando para Kohaku. Mas, para choque de Towa, Setsuna parece ter perdido todas as memórias de sua irmã mais velha.

Juntada por Moroha, a filha de Inuyasha e Kagome, as três jovens viajam entre as duas épocas em uma aventura para recuperar seu passado perdido.

fonte: ANN, site oficial

Recomendado para você

Os comentários estão fechados aqui.