Beleza e Saúde

5 segredos da cirurgia plástica pós-parto


FOTO DAVI MAGALHÃES
Cirurgião plástico Elizeu Lavor dá dicas de como voltar à forma após gravidez

Para recuperar o contorno corporal após a gravidez, o cirurgião plástico Elizeu Lavor dá algumas dicas e fala de procedimentos cirúrgicos pós-parto. Ele chama atenção também das futuras mamães para não engordarem muito durante a gravidez, pois atrapalha bastante no processo de recuperação da boa forma. “Alterações hormonais e acúmulo de líquidos e gorduras podem deixar os seios flácidos, abdômen com gordura localizada, acompanhado de flacidez e estrias”. Cruzes!!! Mas, ümbermodel Gisele Bündchen e a atriz Carolina Dickmann estão aí para provar por A+B que é possível ser mãe, feliz e de bem com o espelho.

1 – Elizeu Lavor aconselha cirurgia plástica somente após seis meses do parto. Período em que, geralmente, a mãe parou de amamentar e o vulcão hormonal vai acalmando. Agora, em caso de mamães que ainda apresentam sobrepeso, o cirurgião plástico aconselha visita ao nutricionista, ao endocrinologista e a prática de exercícios físicos antes de recorrer ao bisturi. Em qualquer caso, Elizeu alerta que é importante o acompanhamento e opinião do ginecologista

2 – As cirurgias plásticas mais procuradas, segundo o cirurgião, são lipoaspiração, colocação de próteses mamárias, com ou sem cirurgia para retirada de pele em excesso (flacidez), e abdominoplastia. A lipoaspiração é usada para remodelar o corpo, retirar acúmulo de gordura localizada aqui e ali, em pacientes que não apresentam flacidez

3 – Mas sem dúvida, a abdominoplastia é a cirurgia mais sonhada pela mulherada, principalmente para aquelas que foram mamães mais de uma vez. O procedimento remove gordura e pele em excesso num única cirurgia, sem falar que, com a retirada do excesso de pele, vão-se também as estrias. Além que nesse procedimento hérnias podem ser fechadas

4 – E por falar nelas, nas estrias (terror que tira o sono de muitas mamães), é possível retirá-las durante a realização da abdominoplastia, quando elas se localizam na parte inferior do abdômen, abaixo do umbigo. Agora, quando se localizam nos flancos e nos seios é impossível se livrar. Então, o importante mesmo é prevenir o surgimento de estrias, engordando apenas o recomendado pelo médico e hidratando bem o corpo durante a gravidez.

5 – Em qualquer tipo de cirurgia plástica pós-parto, é importante a paciente conversar com o médico sobre o desejo em ser mãe mais uma vez, pois uma nova gravidez pode comprometer o resultado da cirurgia plástica anterior. “A paciente tem de ser honesta com seu médico”, avisa. No caso de uma abdominoplastia, por exemplo, pode ocorrer estiramento da pele e o surgimento de estrias profundas. “Em certos casos, é melhor adiar a cirurgia para depois da constituição da família”, aconselha Elizeu Lavor.   

SERVIÇO
Clínica de Cirurgia Plástica Elizeu Lavor
Rua República do Líbano, 1415 – Varjota
Tel.: (85) 3267-1712

Nenhum comentário

  • Naiara Pereira de Alencar disse:

    Olá! tenho 22anos já sou mamãe, durante a minha graviz fiquei com estrias isso é um tormento . tenho também ernia no umbigo, nossa tenho maior vergonha da minha barriga, tenho namorando e ele nunca sequer viu minha barriga .Tenho vergonha ,preciso fazer cirrugia para a retirada da ernia e das estrias . Gostaria de saber se posso fazer as duas juntas ?
    onrigada .

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *