Beleza e Saúde

Criadora do álcool gel é homenageada pela Mauricio de Sousa Produções

Criadora do álcool gel é homenageada pela Mauricio de Sousa Produções

Lupe Hernandez, responsável pelo desenvolvimento de um dos itens mais essenciais da atualidade, é a mais nova Dona da Rua da História
Utilizar máscaras, lavar as mãos e higienizá-las com álcool gel 70% se tornaram atividades essenciais para combatermos o novo coronavírus. Mas você já parou para pensar em quem criou cada um desses itens importantes para a proteção da população? Não, né?! Para ajudar um pouco nessa questão, a Mauricio de Sousa Produções, que tem homenageado mulheres que marcaram a humanidade com seus feitos na área da ciência e saúde, traz a história de Lupe Hernandez, a mulher responsável por inventar o álcool gel.

A enfermeira americana desenvolveu o produto em 1966, que desde então tornou-se um item essencial para manter as mãos limpas e desinfetadas. Seu feito ímpar é considerado muito importante na história da ciência. E, por isso, é a nova homenageada do projeto Donas da Rua da História, representada na ilustração pela personagem Marina.

A invenção revolucionária de Lupe garante a segurança e higiene não apenas dos profissionais da saúde, mas de toda a população. Criado para facilitar o transporte de um item tão importante, o álcool gel é hoje um dos principais ingredientes no combate a COVID-19. Capaz de matar vírus e bactérias, o produto foi protagonista em outras pandemias, como a do vírus H1N1 em 2009. E, desde então, passou a ser indispensável em ambientes públicos, escolas, ou em dispensers nas paredes de locais com grande circulação de pessoas.

A inventora do álcool gel é citada em The Growth and Development of Nurse Leaders, Second Edition, livro sobre enfermagem e liderança profissional publicado em 2019. A nova homenageada se une a nomes importantes da saúde já presentes no hall do Donas da Rua da História, como a infectologista Ho Yeh Li, as enfermeiras Florence Nightingale e Ana Néri e as pesquisadoras Ester Sabino e Jaqueline Goes de Jesus, que sequenciaram o genoma do novo coronavírus.

A ação da MSP demonstra seu compromisso como signatária dos Princípios de Empoderamento das Mulheres, plataforma da ONU Mulheres e Pacto Global. Em uma de suas áreas, o Donas da Rua da Ciência, tem como objetivo resgatar a trajetória de pesquisadoras e cientistas que marcaram a humanidade com suas ações. O projeto pode ser conferido no site: http://turmadamonica.uol.com.br/donasdarua/ddr-da-historia.php.