Blog do Vozão

Raio X do 1º turno

1247 11

Imagem: Wilson Gouveia

Galera Alvinegra, chegamos a metade do Campeonato Brasileiro, com isso, postarei aqui no blog um raio X da campanha do Vozão até agora na competição.

Das 19 partidas disputadas, todas foram sob o comando de Vagner Mancini, que utilizou 34 jogadores, sendo que Osvaldo foi o único a atuar em todas as 19, depois vem Michel (16), Fabrício (16), Heleno (15), Thiago Humberto (14) e Boiadeiro (14) como os que mais atuaram até agora.

Dos 27 gols marcados, Marcelo Nicácio e Washington são os artilheiros do Vozão na competição com 5 gols cada um, depois vem Osvaldo, Thiago Humberto e Felipe Azevedo com 3 gols, Boiadeiro, Cléber, Iarley, Michel, Fabrício, Rudnei, Eusébio e Edmilson com 1 gol cada, fechando a lista dos artilheiros, já nos 28 gols sofridos, 14 foram por Diego (11 jogos), Fernando Henrique tomou 11 (8 jogos) e Adilson levou 3 (1 jogo)

Na questão disciplinar o Vozão não foi muito bem, mas também não chegou a ser tão mal ao ponto de ser considerada uma equipe indisciplinada. Foram 34 cartões amarelos, sendo que João Marcos foi o que mais tomou até agora, 4 no total, e 4 cartões vermelhos, sendo que 2 destes foram para Washington, Heleno e Vicente tomaram 1 cada.

Com relação a nossa pontuação, a quantidade de pontos que conseguimos foi à mesma do ano passado, ou seja, 25 pontos, mas o numero de vitórias foi maior, assim como o numero de gols marcados, por outro lado, a quantidade de derrotas e de gols tomados foi maior.

Confira os números abaixo:

Jogos – 19

Vitórias – 7

Empates – 4

Derrotas – 8

Gols Prós – 27

Gols Contra – 28

Saldo – -1

Jogos em Casa – 10

Vitórias – 6

Empates – 1

Derrotas – 3

Gols Prós – 20

Gols Contra – 11

Saldo – 9

Jogos Fora – 09

Vitórias – 1

Empates – 3

Derrotas – 5

Gols Prós – 7

Gols Contra – 17

Saldo – -10

Saudações Alvinegras!

11 Comentários

  • davi castelar disse:

    esse ótimo levantamento evidencia ainda mais o contraste na postura do time quando joga em casa e quando joga fora.

    acho que se o mancini tivesse um pouco mais de ousadia quando o time jogasse como visitante, poderiamos ter conquistado mais alguns pontinhos contra figueirense, santos e corinthians.

    não estou dizendo que deveriamos ter ganho todos esses jogos. mas a verdade é que se jogássemos contra esses três da mesma forma que jogamos contra o cruzeiro em sete lagoas, a probabilidade de ter feito uma campanha ainda melhor do que essa seria grande.

    de qualquer forma, estamos no caminho certo conseguindo nos impor (e muito bem) dentro de casa, o que é fundamental.

  • Bosco disse:

    Se consideramos que o nivel qualitativo dos jogadores contratados pelos clubes grandes cresceu muito em qualidade em 2011.

    E se consideramos que a exceção do América MG, não há clubes pequenos esse anona série A. Por isso, para conseguir manter esse mesmo percentual de aproveitamento do ano passado o Ceará precisou melhorar muito a qualidade do plantel em 2011.

    E para mater esse nivel no segundo turno, onde muitos clubes melhorarão ainda mais, o Vozão deverá fazer no mínimo mais duas contratações, um zagueiro e um meia para disputarem a posição de titular. Não descarto a necessidade de mais um lateral direito. Além de cartões e contusões, há jogadores que já estão exaustos e precisam folgar uma rodada pelo menso.

    Dois méritos:
    1) A diretoria executiva, Evandro Leitão e Robson de Castro que deram tranquilidade e material humano ao treinador Wagner Mancine para ele executar o seu projeto, apesar das pressões de setores da imprensa e de alguns torcedores pela que pediam (ainda pdem) a sua dispensa.

    2) A manutensão do treinador foi importantíssima, clubes que trocam muito de treinadores e até de dirigentes, dificilmente conseguem estabelecer uma meta e cumpri-la. Os jogadores desses clubes se acostumam logo a querer criar problemas com o treinador porque sabem que a diretoria não valoriza esses profissionais.

    Quanto ao fato de quererem que ele solte ainda mais o time fora de casa eu acho isso muito relativo, porque o Mancine já é um treinador por demais ofensivo, a quantidade de gols que o Ceará faz e leva prova isso.

    No tempo do PC e do Estevão Soares, dificilmente faziamos um gol e dificilmente levavamos um gol, isse comportamento foi quem derrubou o Estevão.

    Quando Wagner Mancine chegou aqui, lembro-me perfeitamente que ele disse que preferia vencer de 5×4 do que de 1×0. Até mesmo para ele utilizar o trio de ferro completo foi preciso alguns resultados ruíns que mostraram a ele toda a fragilidade da nossa defesa sem o trio.

    Parabéns ao Evandro e ao Mancine.
    Saudções mais queridas.

    “Nordestino de coração torce somente por time da região”.

  • W.Sousa disse:

    A culpa não é só do Mancini pelos maus resultados fora de casa. A diretoria e os jogadores também têm sua parcela.

    Cada um é responsável por cobrar mais empenho, mais concentração de cada um.
    Se o problema for psicológico, ou seja, falta de confiança, contrata-se um psicólogo para tentar mudar essa situação.
    Deve se mudar a mentalidade, mudar a postura fora dos nossos domínios, acreditar que é possível ou que não é impossível.

    Pois dentro de casa, a torcida não deixa que um atleta entre disperso, que erre passes bobos não. Ela cobra, ela fornece o gás a mais e é por isso que jogando aqui no Pv nos tornamos forte.

    Vamos lá Vozão, necessitamos dessa vitória fora de casa.

    Avante, Mais Querido!

  • davi castelar disse:

    eu concordo com o pensamento do mancini. é melhor ganhar de 5×4 do que de 1×0.

    mas também acho que é melhor perder de 2×1 buscando o empate do que de 1×0 sem oferecer o menor perigo ao adversário.

    contra o cruzeiro perdemos por 1×0 mas tivemos iniciativa. mandamos no jogo em diversos momentos.

    contra o corinthians empatamos em 2×2 porque o time buscou o resultado.

    contra o coritiba perdemos de 3×1 sem mostrar resistência.

    contra o são paulo pela sulamericana perdemos de 3×0 sem nem esquentar o rogério ceni.

    eu faço parte do grupo que defende a permanecia do treinador. nunca pedi a saida dele. acho que ele tem muito mais qualidades do que defeitos. mas esse problema de segurar demais o time quando joga fora de casa, acredito que precisa ser trabalhado.

    claro que eu não prefiro perder jogando bem do que empatar jogando mal, mas o campeonato vem mostrando que quando jogamos pra frente na casa dos outros, a vitória deles custa bem mais caro.

  • Davi Castelar disse:

    só pra ser um pouco mais claro, eu não estou cobrando aqui que o ceará vença todos os jogos fora de casa.

    sei muito bem das limitações do meu time e da qualidade dos demais.

    a questão é o fato de, ao meu ver e, as vezes, a capacidade do nosso elenco ser subestimada.

    temos time pra ganhar do avaí lá em sc, do américa em mg, e até mesmo do atlético mineiro lá. também podemos arrancar valiosos pontos de grêmio e inter.

    a questão não é o TEMOS OBRIGAÇÃO, mas o PODEMOS CONSEGUIR.

    e com o time jogando pra cima, aí é que podemos mesmo.

  • Davi Castelar disse:

    só corrigindo, porque contra o inter nós jogamos lá e ganhamos.

    “também podemos arrancar valiosos pontos de grêmio e atlético paranaense.”

  • VOZAO LIBERTADORES disse:

    da pra ganhar aki e fora temos elenco pra isso e so deixarem

  • Edilson Romcy disse:

    O C.S.C-Vozão é um grande clube e como tal deve encarar seus adversários sem essa de complexo de inferioridade. Tem um grande elenco, um bom técnico, uma grande diretoria e o mais importante: A MAIOR TORCIDA DO NORTE E NORDESTE. Respeitar os grandes do eixo Rio-SP mas encarar também como um grande. Força Vozão e pode contar com a mais vibrante e feliz torcida do estado do Ceará.
    Edilson Romcy.
    Amsterdam-Holanda.

  • Domingos-Massapê-CE disse:

    Meu caro Weiber,
    Ouvi na radioJornal do Recife que o Ceará estaria contratando o zagueiro thiago matias do santa cruz. Segundo o reporter, ele ganha R$ 20 mil e vinha para o ceara para R$ 50 mil. Sinceramente acho muito dinheiro para um zagueiro de quarta divisão. Sobre o meia, que tal o Fumagali matando a pau lá no americana. Titular absoluto e dono do time. È um meia ideal para o ceará. Quais são as novidades sobre as contratações do zagueiro e do meia. Ao meu ver é mais urgente um meia o que um zagueiro. Mande-me informações . saudações alvinegras.

    Caro Domingos, apesar da diretoria não confirmar ainda, o zagueiro contratado deverá ser mesmo o Thiago Matias, que por sinal acho um bom jogador, quanto ao salário de R$ 50 mil, acho dificil. Fumagalli tb é bom jogador, mas não basta só o Vozão querer, o jogador tb precisa querer vir. O certo é que o CSC segue na busca por um meia e o nome de Cascata do ABC tem sido especulado.
    SA!
    Weiber Castro

  • PIO JUNIOR - BIRITEIROS ALVINEGROS disse:

    A campanha do Vozão em virtude de tantas dificuldades, foi satisfatória. Fomos vítimas de péssimas arbitragens, muitas contusões de jogadores importantes Acho que nesse segundo turno temos que ter foco em ganhar o maior número de pontos nas primeiras partidas para podermos administrar a vaga para a Sulamericana. O Vozão tem todas as condições para isso. Vamos acreditar. Saudações alvinegras!
    Acessem nosso site, deixe seu comentário:
    http://www.biriteirosalvinegros.com

  • JÚNIOR DA MARAPONGA disse:

    A campanha foi boa! Mas com uma campanha igual dá para chegar na Sulamericana ou briga para não cair?

    Se o Ceará repetir a mesma pontuação no 2º turno, fará 50 pontos meu caro, tu ainda tem duvidas?

\

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *