Discografia

Lia Sabugosa estreia como compositora em Chuvarada

liasabugosachuvaradacapaDepois de dois discos atuando exclusivamente como intérprete, Lia Sabugosa mostra sua porção compositora em Chuvarada. O disco – apresentado em formato digital em agosto de 2013 e, pouco depois, em formato físico – traz quatro faixas inéditas da carioca, divididas com parceiros, como Monique Kessous e Jorge Ailton. O trabalho independente também conta com nomes preciosos da música brasileira, como Carlos Trilha (teclados), Marco Lobo (percussão), Dé Palmeira (baixo), Fernando Caneca (guitarra) e outros. Paulinho Moska também marca presença, dividindo os vocais da balada blues Toneladas. Das 11 faixas de Chuvarada, duas já são bem conhecidas para quem acompanha a MPB. O samba-canção Nervos de aço, do mestre Lupicínio Rodrigues, vira um proto-reggae cheio de cinismo. Já Não vou me adaptar, sucesso dos Titãs composto por Arnaldo Antunes, soa pop demais e recebe as guitarras coloridas de Davi Moraes. Embora Lia Sabugosa precise descobrir novos caminhos para sua interpretação, é certo que ela sabe escolher músicas. Tanto que o ponto alto dessa seleção está nas letras, todas cheias de imagens fortes e pungentes. “No cerne do seu ser chove sentidos que me escorrem pelas mãos. Me faz de campo baldio, no qual os seus caprichos são inundação”, diz a faixa Chuvarada, de Leo Cavalcanti e Tatá Aeroplano. O disco Chuvarada teve produção de Rodrigo Vidal, Alexandre Vaz e Cesinha e está disponível para audição no site da artista.

Segue abaixo o clipe de Sem você:

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=ZClLjkZG2zk[/youtube]