Blog do Jocélio Leal

Coluna: Hub – uma leitura portuguesa

Uma das armas da TAP é atrair turistas para Lisboa nos chamados stopovers. Agora planeja fazer o mesmo em Fortaleza. Na imagem, o Jardim de São Pedro de Alcântara (Foto: Jocélio Leal)

Fortaleza – Ao tempo em que reagem ante ao início das operações do hub da Air France-KLM/Gol, a começar em 3 de maio, as companhias aéreas internacionais que voam para Fortaleza veem com ceticismo o movimento hubístico. A mais atenta é a mais afetada diretamente, a portuguesa TAP. No comando da empresa, afora a disposição de agir – com preços e stopover (ler nota abaixo) em Fortaleza- há uma série de questionamentos na pista. Vejamos. Clique e leia completa aqui 

Recomendado para você