Layout

Hapvida lança campanha em parceria com a Cruz Vermelha Brasileira

O Hapvida Saúde promove junto aos seus colaboradores e profissionais de saúde mais uma edição da Corrente do Bem Hapvida. Este ano, a campanha vai beneficiar os cidadãos das regiões interioranas do Brasil, por meio de doações de alimentos, em parceria com a Cruz Vermelha Brasileira.

Para fazer a doação, os colaboradores devem procurar a área administrativa, o setor de Recursos Humanos ou a Comunicação Corporativa de sua unidade. De acordo com as orientações da Cruz Vermelha, os alimentos que podem ser doados são: arroz, feijão, açúcar, sal, café, fubá, farinha, óleo, sardinha, macarrão e extrato de tomate. A campanha Corrente do Bem Hapvida acontecerá nos nove estados da região Nordeste, bem como no Amazonas e no Pará. As doações começaram a ser recebidas na última segunda-feira, 3, e podem ser entregues até o dia 31 de dezembro. Todos os alimentos arrecadados serão encaminhados à Cruz Vermelha da cidade de doação. A expectativa com a campanha é arrecadar cerca de 20 mil quilos de alimentos.

A campanha Corrente do Hapvida é realizada desde 2016, sempre no último mês do ano, com o objetivo de estimular nos colaboradores da empresa o desejo de fazer o bem. No ano passado, a campanha teve como foco a adoção de cartinhas para o Papai Noel dos Correios para presentear crianças carentes. A escolha desse ano em beneficiar a Cruz Vermelha, segundo a diretora de Comunicação Corporativa do Hapvida Saúde, Liane de Castro, se deu porque a empresa está muito sensibilizada com as difíceis condições de vida daqueles que moram em localidades muito pobres.

 

“Decidimos então que esse seria o foco da Campanha Corrente do Bem 2018 e, ao pesquisar as instituições que poderiam nos ajudar a levar esses alimentos a pessoas tão carentes, verificamos que a Cruz Vermelha do Brasil era a mais habilitada e preparada para essa missão. Trata-se de uma instituição de muita credibilidade, com sede em todos os locais onde o Hapvida possui filiais e que faz um lindo trabalho junto a essa população que nós desejamos ajudar”, complementa.

Recomendado para você