Plínio Bortolotti

Erosão ameaça casas em Canoa Quebrada

630 6
Buraco gigante existe  há um ano

Buraco gigante existe há um ano

Casas e estrada nas proximidades do "Buraco do Expedito", como o chamam os moradores

Casas e estrada nas proximidades do "Buraco do Expedito", como o chamam os moradores

Desde que publiquei a postagem Canoa Quebrada: de paraíso a inferno, venho recebendo vários comentários sobre essa praia de Aracati. Pelo menos um deles rendeu outro post: Canoa Quebrada: o trânsito de bugues está destruindo as falésias?

Mais um me chega agora, mostrando uma grande erosão em um dos trechos da vila – na localidade de Estêvão -,  o “Buraco do Expedito”, alusão ao prefeito de Aracati, Expedito Ferreira (PP), em apelido dado pelos moradores, segundo as informações que recebi

Segundos as informações  o buraco teria origem em uma obra  do governo do estado, que calçou as ruas  da  vila em 2002. As obras não teriam sido dimensionadas adequadamente para receber um grande volumes de águas, como nas cheias de 2009.

Ainda, segundo as informações, a obra “causou diversas polêmicas, que nunca foram esclarecidas, como por exemplo: a passarela sobre as falésias, que vai do nada a lugar nenhum, orçada em um milhão de reais,  e considerada pelo Coema [Conselo Estadual do Meio Ambiente] em seu parecer ao Eia-Rima (estudos e relatórios de impactos ambientais) como altamente impactante e que desaconselhava sua instalação. Ignorando o parecer do Coema, foi instalada e hoje corre sérios riscos de desabar, devido a ferrugem e à falta de manutenção, além de ter se tornado um local de assaltos a turistas desavisados”.

O buraco existe há um ano e nenhuma providência teria sido tomada para resolver o problema.

Pelas fotos dá para ver que há várias casas nas proximidades, o que deve levar perigo aos moradores. O buracão também está próximo a uma estrada.

Recomendado para você