Ancoradouro

Jornada Teológica apresenta os 4 candidatos aos altares da Arquidiocese de Fortaleza

A Jornada Teológica realizada pela Faculdade Católica de Fortaleza vai apresentar o perfil e o processo dos quatro religiosos  candidatos aos altares nesta sexta-feira, dia 10, a partir das 7h30, na sede da instituição de ensino, o antigo Seminário da Prainha. A Jornada Teológica contará com a conferência do arcebispo de Fortaleza Dom José Antonio.

os 4 candidatos aos altares.

O capuchinho Frei João Pedro, o segundo arcebispo de Fortaleza Dom Antonio de Almeida Lustosa e as religiosas Irmã Clemência, Filha da Caridade e Rosita Paiva, fundadora das Josefinas são as personalidades que estão com processo aberto de canonização.

Na programação do evento, os autores da causa serão ouvidos e serão apresentadas as fases deste processo, além de uma conferência sobre a santidade na perspectiva do Papa Francisco.

Conheça os servos de Deus

 Frei João Pedro de Sexto

Frei João Pedro fez-se frade capuchinho para ser missionário. Cristo e seu Reino eram o centro de sua vida. Impulsionado pelo ideal missionário, enfrentou florestas, sertões, áreas pantanosas, viagens perigosas e enfadonhas; a fé e o amor a Deus eram sua alegria. Quando se referia a essas viagens dizia: ”as duras, mas gostosas fadigas das missões”…

Sobre os ideais e fundamentos da Missão fundou a CONGREGAÇÃO DAS IRMÃS MISSIONÁRIAS CAPUCHINHAS para ocupar-se da Educação da Juventude feminina em Prata (PA).

A Positio já foi entregue às Comissões no Vaticano para que dêem seu parecer à Congregação dos Santos. O resultado destes pareceres será, posteriormente, apresentado ao Santo Padre, a fim de que este declare Frei João Pedro como Venerável por sua prática heróica das virtudes.

Precisa-se, agora, de um milagre para que o Servo de Deus seja beatificado.

Dom Antônio de Almeida Lustosa

 O  processo de Dom Lustosa começou com a fama de santidade, em Belém do Pará e Fortaleza. Nessas igrejas, Dom Lustosa adquiriu fama de santidade e quando ele morreu as pessoas começaram a rezar, a pedir graças e essas reações de pedidos, com o comportamento das pessoas fez com que as igrejas abrissem o processo.

Irmã Clemência

Uma Filha da Caridade, brasileira, cearense, rumo aos altares. A Serva de Deus Ir. Clemência de Oliveira (Francisca Benícia de Oliveira), mais conhecida como Ir. Clemência, nasceu em 23 de agosto de 1896. Veio de uma família humilde de Redenção, região serrana do Ceará. É a filha mais velha de 13 irmãos, sendo seus pais José Joaquim de Oliveira e Francisca Saraiva do Nascimento. Benicinha, como era carinhosamente chamada pelos familiares, alimenta sua fé e intimidade com Deus através de suas devoções marianas e eucarísticas, desde sua adolescência. Inesperadamente fica órfã aos 18 anos e tem a responsabilidade de cuidar da casa e dos seus 12 irmãos.

O processo de canonização da Ir. Clemência começou em abril de 1995, com o então arcebispo de Fortaleza Dom Aloísio, cardeal Lorscheider. E em 10 de agosto de 2001 encerra-se o processo diocesano com a presença do Revmo. Dom José Antônio Aparecido T. Marques. O processo encaminhado à Roma ficou paralisado por 19 anos e em 2020 foi criada uma Associação dos Devostos da Ir. Clemência – ADIC que retomou o processo e que atualmente é responsável pelo Memorial Irmã Clemência, escola de música e distribuição de sopa para famílias carentes.

Irmã Rosita Paiva

A Irmã Rosita Paiva nasceu no dia 13 de março de 1909, em Lábrea, Amazonas. Ela fundou com Monsenhor Luis de Carvalho Rocha e Dom Antônio de Almeida Lustosa, no dia 4 de janeiro de 1933, o Instituto Josefino na Catedral de Fortaleza.

O Arcebispo de Fortaleza, Dom José Antonio, em Carta Circular 004/2021 de 18 de maio, comunicou a todos os arquidiocesanos que a Congregação para a Causa dos Santos, em Roma, autorizou o processo de Beatificação e Canonização de Rosita Paiva, agora Serva de Deus.

 SERVIÇO

 Jornada Teológica ( Causa de Beatificação e Canonização na Arquidiocese de Fortaleza).

Quando? Sexta, dia 10 de junho

Horário? Das 7h30 ao meio dia.

Onde? Na Faculdade Católica de Fortaleza (Rua Tenente Benévolo, 201, Centro )

Quanto? Gratuito.

Mais informações: @catolicadefortaleza /  (85) 3453.2150 / (85) 99855.0056

Recomendado para você