Clube da Luta

Desconhecido, Ilir Latifi substitui Alexander Gustafsson na luta principal do UFC Suécia

Foto: Divulgação/Super Challenge

Foto: Divulgação/Super Challenge

Mudanças de última hora para salvar o UFC Suécia, que acontece neste sábado (6). Após a confirmação da federação sueca de MMA que Alexander Gustafsson não poderia fazer a luta principal do evento, o UFC confirmou o o desconhecido Ilir Latifi para enfrentar o ex-campeão do Strikeforce Gerard Mousasi.

No início da semana, Alexander Gustafsson, que faria a luta principal do UFC Suécia, sofreu um corte no supercílio durante os treinos e foi cortado do evento. O Sueco estava focado em vencer o combate e aumentar suas chances de disputar o cinturão dos meio pesados, que pertence ao americano Jon Jones.

 

O corte que tirou Gustafsson do UFC Suécia (Foto: Reprodução)

O corte que tirou Gustafsson do UFC Suécia (Foto: Reprodução)

Com ingressos esgotados, o evento em Estocolmo estava ameaçado de ficar sem sua luta principal, mas, via twitter, Dana White avisou que Latifi foi convocado e aceitou o combate. Parceiro de Gustafsson nos treinos, Latifi iniciou sua carreira no MMA em 2008 e tem cartel com sete vitórias, duas derrotas e um no contest (sem resultado). O lutador vem de três vitórias seguidas.

O UFC Suécia também terá a presença do cearense Diego Brandão, vencedor do TUF 14, que enfrenta Pablo Garza pelo peso pena. Brandão vem treinando com o campeão Jon Jones e sonha com o título da categoria.

Protagonistas da Foto: UFC/Divulgação

Protagonistas da Foto: UFC/Divulgação

 

Em Tempo:

E teremos neste sábado um dos cards mais fracos do ano. Com praticamente nenhum lutador conhecido, o UFC Suécia gera pouca expectativa aos brasileiros que acompanham MMA. E, justamente por isso, pode surpreender com boas lutas, grandes nocautes e finalizações. A torcida por Diego Brandão é um dos poucos atrativos do evento.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *