Clube da Luta

Retrospectiva UFC: As melhores e piores lutas, as surpresas e algumas observações

montagem

Após 11 eventos realizados no ano de 2013, o UFC dá uma pausa. A próxima edição da organização está marcada para o dia 18 de maio. Tempo para refletir e analisar se o saldo até agora tem sido positivo ou não. As melhores lutas, as mais decepcionantes, as surpresas, o desempenho dos cearenses e demais observações das edições do UFC até então.

A primeira delas é provavelmente a mais importante para os brasileiros: o UFC está realmente investindo no país. Em 2012, foram três edições e a promessa do presidente Dana White: “É uma mina de ouro de talento. Em 2013, serão sete eventos”. Neste ano, sediamos uma edição (Belfot vs Bisping, em 19/01) e mais uma está agendada: 18 de maio, em Jaraguá do Sul. Em agosto, o Rio de Janeiro deve receber uma edição e, em setembro, o UFC deve chegar a Brasília. Sem contar a final do TUF Brasil 2, em Fortaleza. O Brasil pode se tornar o maior mercado do UFC fora dos Estados Unidos e receber cada vez mais eventos da organização.

O UFC também começou a investir nas lutas femininas. Das três realizadas até agora, duas delas (Ronda Rousey vs Liz Carmouche e Cat Zingano vs Miesha Tate) ficaram dentre as melhores lutas dos eventos em que estavam. Provando que o MMA feminino vai se fortalecer no UFC. A organização deve contratar novas lutadores e começar a formar categorias femininas. Além de Ronda Rousey, que manteve o título do peso galo feminino, seis campeões estiveram no octógono e todos eles conseguiram defender seu cinturão: Demetrious Johnson (mosca), José Aldo (pena), Renan Barão (galo, interino), Georges St-Pierre (médio), Ben Henderson (leve) e Jon Jones (meio pesado). GSP e Henderson fizeram atuações abaixo da média e Jones foi exemplar, definindo rapidamente a sua quinta defesa de cinturão, dessa vez diante de Sonnen, a mais fácil delas até então. Os campeões também proporcionaram pós-lutas inusitados. Jones notou o dedo do pé esquerdo quebrado, deu entrevista sentado e está com suspensão médica por tempo indeterminado. Já Ben Henderson pediu a namorada em casamento após derrotar Gilbert Melendez, na sua terceira defesa de cinturão.

A luta que mais deixou a desejar foi o duelo entre Lyoto Machida vs Dan Henderson. O histórico de ambos os credenciavam para uma luta épica, mas o medo de ser nocauteado deixou o brasileiro mais cauteloso e o americano menos agressivo. Como resultado, uma luta chata e que foi vaiada pelo público presente. Por outro lado, o brasileiro Antônio “Pezão” proporcionou a maior surpresa do ano até agora. Com uma determinação ímpar, Pezão dominou o terceiro round, nocauteou o favorito Alistair Overeem e vai disputar o cinturão dos pesados. A final da edição 17 do The ultimate Figther também foi uma surpresa. Sensação do programa, o jamaicano Uriah Hall subiu ao octógono tão confiante, que pouco fez. Se movimentando bastante, Kelvin Gastelum tomou a iniciativa na trocação, aplicou quedas no jamaicano e foi bem lutando no chão. Com apenas 21 anos, o americano se tornou o campeão mais jovem da história do The Ultimate Fighter.

A luta do ano por enquanto vai para Wanderlei Silva e Brian Stann. Fã declarado do brasileiro, Stann não fugiu da trocação e os dois fizeram um duelo com vários diretos, cruzados e ganchos, com ambos perdendo o equilíbrio e quase indo ao chão. O público deilirou, o “Cachorro Louco” acabou levando a melhor e nocauteando seu adversário no segundo round. O duelo, claro, ganhou os prêmios de “Luta da Noite” e “Nocaute da Noite”.

Para fechar, vale destacar a trajetória vitoriosa que os cearenses vem fazendo em 2013. No início do ano, Godofredo Pepey e Renée Forte venceram suas lutas, ambas por decisão dos juízes. O cearense Diego Brandão liquidou a fatura ao finalizar, com um kata-gatame, o americano Pablo Garza, no UFC Suécia. O próximo desafios dos cearenses acontece no dia 8 de junho, na final do TUF Brasil 2. Sobem ao octógono, em Fortaleza: Rony Jason, Godofredo Pepey e Caio Magalhães para tentar manter a invencibilidade cearense no ano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *