Clube da Luta

Atração do Aspera Kickboxing, João Victor JV fala sobre seu retorno ao mundo das lutas após dois anos

Equipe que vem treinando com JV (direita). Foto: Arquivo Pessoal.

Equipe que vem treinando com JV (direita). Foto: Arquivo Pessoal.

Chegou a hora de recomeçar. Sem lutar desde abril de 2014, João Victor, o JV, está em clima de contagem regressiva para o seu retorno ao mundo das lutas. No próximo sábado, dia 23, ele sobe ao ringue para fazer a luta principal do Aspera Kickboxing contra o também cearense Vladson Gereba, valendo o cinturão da categoria até 75kg. O evento será realizado no Siará Hall, em Fortaleza.

Em entrevista ao blog Clube da Luta, JV contou que se sente muito bem preparado para essa luta, depois de ter passado por um camp intenso de três meses. “A preparação foi intensa. Passei três meses praticamente treinando forte o kickboxing, o muay thai e a preparação física. Foi bom. Todos os dias treinando, de segunda a sábado. As vezes até no domingo. Deu para intensificar bem e focar bem no kickboxing, que é diferente do muay thai. As regras e os estilos de luta. Teve que se adaptar no início, mas foi tranquilo. Deu para pegar bem”, afirmou.

JV explicou ainda que os dois anos em que ficou sem competir nas artes marciais ocorreu por conta de uma lesão que sofreu às vésperas de seu último combate, contra Jamil Silveira, no OX MMA, seguido de um período em que se mudou para os Estados Unidos. “Na minha última luta, contra Jamil, lutei com o joelho rompido. Rompi o ligamento do joelho em um treinamento. Uma semana depois fiz a cirurgia, passei sete meses em recuperação. Logo em seguida fui passar uma temporada nos Estados Unidos e voltei agora ás lutas”, disse.

No período em que ficou em solo americano, JV não deixou as lutas dele e treinou “como nunca” na academia do cearense Jorge Gurgel, ex-UFC e Strikeforce e treinou ao lado de grandes nomes do MMA, como o ex-campeão dos meio-pesados do UFC, o americano Rick Fraklin.

Banner da luta de JV.

Banner da luta de JV. Foto: Divulgação

“A experiência nos Estados Unidos foi muito boa. Treinei com uns caras muito fortes. Treinei muito wrestling, boxe e muay thai. Rich Franklin é um cara espetacular, muito forte, muito técnico. Tanto ele como o Jorge Gurgel, nem se fala. Muito forte. Eles têm um time de atletas muito bom. Infelizmente tive que voltar, por outros compromissos que deixei pendentes. Mas espero voltar no próximo ano. Deixei as portas abertas. Todos os dias o pessoal lingando, quando é que eu vou voltar. Mas deu para aprender bastante. Os caras respiram lutas 24 horas. Acordava treinando, dormia treinando. Lá não tinha negócio de descanso assim, de folga. Era treino toda hora”, relembrou.

Por fim, JV prometeu aos fãs uma grande apresentação no Aspera FC Kickboxing, digna de empolgar o público. “A galera pode esperar um JV pra cima, buscando a luta e o nocaute, como era antigamente. Caindo pra dentro. Sempre respeitando o adversário, claro. Mas buscando a vitória e o nocaute o tempo inteiro. Até o fim”, afirmou.

SERVIÇO
Aspera FC Kickboxing
Data: 23 de julho de 2016
Local: Siará Hall, em Fortaleza
Horário: a partir das 19h

Card de lutas:
Marília Fanta (Team Souwer BR) X Joyce Barbosa (Guiana Francesa) – Disputa de Cinturão
Bruno Teófilo (Elinardo Goiabinha & Bruno Teofilo Team) x Neto Fúria (Fúria Thai)
Junior Cocão (Dragon Fight) x Alex Dragon (Team Shock Thai)
Carlos Prates (Chute Boxe-SP) x Gereba (Pitbull Brothers) – SP x CE ll Disputa de cinturão
João Victor JV (MuayThai Boran/ Hard Core mma Incorporation)x Walber Lauriano (Equipe FTT)
Ricardo Koreano (RKR Team) x Ulrich Guerrier
Crislaine Reis (Black Thai) x Nildinha (Barra Fight)
Marcisio (Boxe Thai Belém) x Carlos Frota (V8) – Belém x Ceará
Marcelo Thayler (RKR Team) x Matheus Aires (Elinardo Goiabinha & Bruno Teofilo Team)
Lucas Sabino (Dragon Fight) x Tiago Pamplona (V8)
Pedro Sagat (New Level) x Adversário a ser definido
Pedro Rodrigues (Zhanshi Sanda/Canelas Fighter) x Fabrício Andrade (Global Fight)
Helson Nativo (New Level) x Tiago Silva (Guiana Francesa)
Neto Santiago (Black Thai) x Victor Macambira (Muay Thai Boran / Hard Core MMA Incoporation)
Rodrigo Bulldog (Strike Team) x Fábio Tabosa (Fábio Tabosa Team)
Celso Guimarães (Gladiadores Top Fight) x Carlos “Curió” (Nordest Combat)
Di Lobo (Fúria Thai Boxing/ RKR Team) x Luis Carlos (Barra Fight)

Recomendado para você

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *