Clube da Luta

Lutadora cearense comenta convite para auxiliar a preparação de Bethe Correia para o UFC Fortaleza

Os treinos entre Bethe e Rosy estão sendo realizados na sede da Pitbull Brothers, em Natal. Foto: Arquivo Pessoal

Os treinos entre Bethe e Rosy estão sendo realizados na sede da Pitbull Brothers, em Natal. Foto: Arquivo Pessoal

Ela não pensou duas vezes. Convocada a ajudar a paraibana Bethe ‘Pitbull’ Correia, que se prepara para enfrentar a americana Marion Reneau, no UFC Fortaleza, dia 11 de março, a cearense Rosy Duarte arrumou as malas e partiu rumo à sede da Pitbull Brothers, em Natal.

Mais do que servir de sparring para a ex-desafiante ao título dos pesos-galos do Ultimate, Rosy viu também a oportunidade de contar com uma parceira de treinos de luxo, uma vez que ela já estava treinando forte para a sua próxima luta, contra a catarinense Taila Santos, em duelo que vale o cinturão peso-mosca (até 57kg) do Noxxi Combat, na edição que será realizada dia 12 de março, no Joinville Square Garden, na cidade de Joinville, no interior de Santa Catarina.

Em conversa com o blog Clube da Luta, Rosy comentou como surgiu a oportunidade de treinar com Bethe Pitbull e vibrou com a parceria. “Ela (Bethe) me procurou por meio das minhas redes sociais, porque precisava de alguém que fizesse o jogo parecido com o da sua adversária. Aí perguntou se eu podia ajudar ela. Antes, ela já tinha falado com o Maninho (amigo de Rosy e líder da Pitbull Brothers Fortaleza), que já foi logo dizendo que podia confiar que eu era a melhor escolha que ela poderia ter. Aí então passei meu contato para ela. Deu tudo certo. E estou aqui em Natal ajudando e sendo ajudada, pois também vou lutar o Noxxi e foi uma oportunidade única treinar com os TOPs é bom demais. Tenho certeza que nós duas só temos a ganhar com essa parceria e com certeza vamos ser campeãs. Estou muito feliz e também focada, porque tem guerra pela frente e quero muito trazer mais esse cinturão pra casa”, falou a cearense.

Hoje com 35 anos, Rosy tem um cartel de 14 lutas, com 10 vitórias e quatro derrotas. Em sua coleção, já conta com dois cinturões: o do Action Fight e do Brabos Combat. Representante da equipe Essencial, a lutadora cearense é treinada pelo seu marido, Reginaldo Albuquerque, e tenta emplacar a terceira vitória seguida no MMA profissional. Em sua última apresentação, Rosy venceu Lizianne Silveira na 4ª edição do Action Fight, no último dia 17 de dezembro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *